Esporte

Sem Coutinho, Liverpool economiza, faz 3 no Maribor e segue líder do grupo E

01/11/2017 19h58

Liverpool (Inglaterra), 1 nov (EFE).- O Liverpool voltou a vencer nesta quarta-feira o Maribor, desta vez por econômicos 3 a 0, após a goleada de 7 a 0 aplicada na Eslovênia há duas semanas, e se manteve na liderança do grupo E da Liga dos Campeões, pelo qual o Sevilla, jogando na Espanha, deu o troco no Spartak Moscou.

Os gols da partida no estádio Anfield Road vieram no segundo tempo. Aos 4, o atacante egípcio Mohamed Salah abriu o placar, aos 19, o volante alemão Emre Can fez o segundo, e, aos 45, o atacante inglês Daniel Sturridge deu números finais ao duelo.

Com o resultado, os 'Reds' chegaram aos oito pontos na chave, um a frente do Sevilla e dois distante do Spartak. O Maribor, por sua vez, segue na lanterna da chave, com apenas um ponto, e está praticamente eliminado.

Para a partida desta quarta-feira, o Liverpool não contou com o meia Philippe Coutinho, que apresentou problema muscular na vitória sobre o Huddersfield por 3 a 0, no fim de semana, pela Campeonato Inglês. Com isso, Roberto Firmino formou trio ofensivo com o inglês Alex Oxlade-Chamberlain e o egípcio Mohamed Salah.

Depois do massacre na Eslovênia, há duas semanas, os 'Reds' começaram em ritmo bem mais lento, criando a primeira boa oportunidade apenas aos 11 minutos do primeiro tempo. Arnold fez cruzamento da direita, Firmino testou, mas a bola acabou indo para fora.

Pouco depois, o técnico alemão Jurgen Klopp foi obrigado a fazer substituição no time, pois o meia Wijnaldum apresentou dores musculares e não teve condições de continuar em campo. Henderson foi quem entrou na vaga do holandês.

Dominando totalmente a posse de bola, o Liverpool seguiu com dificuldades no ataque. Aos 20, Firmino serviu e Ox-Chamberlain finalizou para fora. Mais tarde, aos 29, os papéis se inverteram, com o inglês dando o passe e o brasileiro testando firme, para ótima defesa de Handanovic.

Nos instantes finais da primeira etapa, Salah resumiu o que foram os 45 minutos da equipe da casa, ao receber na direita e finalizar muito mal, por cima do gol do Maribor, para desespero dos torcedores que lotaram o estádio Anfield Road.

O atacante egípcio conseguiu se redimir logo aos 4 minutos do segundo tempo, ao aparecer bem no primeiro pau e escorar para o fundo das redes o cruzamento de Arnold, abrindo o caminho para a vitória do Liverpool.

Pouco depois de largar na frente, o time da casa teve mais uma ótima oportunidade, quando Firmino foi derrubado pelo zagueiro Rajcevic. Milner foi para a cobrança, bateu rasteiro no canto esquerdo, mas parou na defesa de Handanovic, em bola que ainda tocou na trave.

Apesar da cobrança desperdiçada, o Liverpool continuou pressionando muito. Aos 9, Firmino obrigou o goleiro esloveno a fazer mais uma boa intervenção, em finalização com a perna direita. No minuto seguinte, Salah voltou a perder ótima oportunidade, ao chutar por cima, apesar de estar quase na pequena área.

Os anfitriões conseguiram ampliar apenas aos 19 do segundo tempo, em bela jogada que teve participação de Milner e Can. O volante alemão recebeu do companheiro na entrada da área e bateu no cantinho esquerdo defendido por Handanovic, que se esticou todo, mas dessa vez não conseguiu fazer a defesa.

Em rara chegada ao ataque, o Maribor assustou aos 25, quando Milec pegou sobra na entrada da área e obrigou Karius a trabalhar bem, em dois tempos. Dois minutos depois, no entanto, a zaga dos visitantes vacilou e quase a equipe sofre o terceiro, com Arnold finalizando para fora.

Na reta final do segundo tempo, o Liverpool contou os minutos para o término do jogo, sem ameaçar muito o time esloveno. O atacante inglês Daniel Sturridge, que substituiu Salah, aos 29, ainda teve tempo de balançar as redes, aos 45.

Na Espanha, o Sevilla, goleado pelo Spartak Moscou por 5 a 1, há duas semanas, levou a melhor por 2 a 1 e subiu para a segunda posição do grupo E. O zagueiro francês Clement Lenglet e o meia argentino Ever Banega marcaram para os anfitriões. O atacante cabo-verdiano Zé Luís descontou.

Pelo time espanhol, o meia Paulo Henrique Ganso não saiu do banco de reservas. Já o time russo teve o volante Fernando e o atacante Luiz Adriano foram titulares, e o também atacante Pedro Rocha ficou na reserva toda a partida.



Ficha técnica:.

Liverpool: Karius; Alexander-Arnold, Matip, Klavan e Moreno; Milner, Can e Wijnaldum (Henderson); Ox-Chamberlain, Salah (Sturridge) e Roberto Firmino (Grujic). Técnico: Jurgen Klopp.

Maribor: Handanovic; Billong, Rajcevic e Suler; Milec, Pihler, Kabha e Viler; Hotic (Ahmedi), Bohar (Bajde) e Mesanovic (Marcos Tavares). Técnico: Darko Milanic.

Árbitro: Ivan Kruzllak, auxiliado pelos compatriotas Martin Balko e Tomas Somolani.

Gols: Salah, Can e Sturridge (Liverpool).

Cartões amarelos: Bohar e Rajcevic (Maribor).

Estádio: Anfield Road, em Liverpool (Inglaterra).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo