Esporte

Hamilton foge de perguntas sobre Paradise Papers em coletiva em São Paulo

Edgar Su/Reuters
Imagem: Edgar Su/Reuters

08/11/2017 14h06

São Paulo, 8 nov (EFE).- Campeão mundial da Fórmula 1 pela quarta vez na carreira, o piloto britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, evitou responder perguntas sobre a presença de seu nome na série de documentos chamados de Paradise Papers, que mostram a fuga do pagamento de impostos na compra de um jatinho.

"Estou ignorando todas essas distrações para poder vencer pela segunda vez no Brasil", afirmou. Hamilton garantiu que está concentrado na prova deste fim de semana e que não acompanhou a divulgação dos nomes das 127 personalidades internacionais ligadas a empresas em paraísos fiscais.

Os documentos do Paradise Papers acusam o piloto britânico de ter feito manobras, através de empresas situadas em paraísos fiscais, para se livrar de pagamento de impostos na compra do jato Bombardier Challenger 605, em 2013, que custou 16,5 milhões de euros (R$ 70,2 milhões, em valores atuais).

"Houve uma tempestade a meu redor, mas estive com minha família e amigos, e foi ótimo. Foi bom comemorar o campeonato. Estou me sentido super bem, com uma energia espetacular", desconversou o dono do carro número 44, em entrevista coletiva concedida no circuito de Interlagos, onde acontecerá o Grande Prêmio do Brasil.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo