Esporte

Messi coloca Brasil, Espanha, Alemanha e França como favoritos à Copa de 2018

08/11/2017 16h04

Buenos Aires, 8 nov (EFE).- O atacante Lionel Messi afirmou nesta quarta-feira que Brasil, Alemanha, Espanha e França entrarão na Copa do Mundo de 2018 como favoritas à conquista do título do torneio.

"São as que estão deixando a melhor imagem, as que fazem o melhor jogo", disse o artilheiro do Barcelona, que está na Rússia para amistosos da Argentina, em entrevista à emissora "Tyc Sports".

Messi também fez uma promessa caso a 'Albiceleste' vença o Mundial de 2018: percorrerá a pé os 30 quilômetros que separam os municípios de Arroyo Seco e San Nicolás de Rosario.

Já em entrevista à "ESPN", o craque destacou a dificuldade das Eliminatórias Sul-Americanas para a Argentina e admitiu que a classificação representou um "alívio". Caso não tivesse conseguido a vaga, Messi disse que isso significaria seu fim na seleção.

O argentino, de 30 anos, não quis falar sobre a Copa do Mundo de 2022, no Catar, alegando estar focado na Rússia.

"Tomara que possamos conseguir tudo o que desejamos. Depois, veremos como será o caminho. Falta um pouquinho para o Mundial, não há muito tempo para o trabalho", explicou o atacante.

Sobre o encontro com Diego Maradona na cerimônia do prêmio The Best da Fifa em outubro, Messi disse que não teve a oportunidade de conversar muito com o ídolo do futebol argentino.

"Foi tudo muito rápido e havia muita gente. Ficou uma conversa pendente. Estamos devendo isso e precisamos tê-la", afirmou.

Messi também reconheceu que gostaria um dia de jogar no Campeonato Argentino, mais especificamente no Newell's Old Boys, mas que não sabe o que vai acontecer nos próximos anos de sua carreira.

"Jogava lá quando era pequeno e meu sonho sempre foi chegar à equipe principal e poder estar dentro do campo", disse.

O craque também falou sobre sua vida pessoal e informou que, depois de sua mulher, Antonela Roccuzzo, ter dado à luz o terceiro filho, que é menino, gostaria de ter uma filha.

"Esperamos que nosso quarto filho seja uma menina. Esperamos que esse chegue, ainda faltam muitos meses", revelou o craque.

Messi, que realizou as entrevistas de hoje após o veto à imprensa feito pela seleção há um ano, está em Moscou para o amistoso entre Argentina e Rússia neste sábado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo