Topo

Esporte

De pênalti, Argélia evita derrota para Nigéria em duelo das eliminatórias

10/11/2017 20h51

Redação Central, 10 nov (EFE).- A Argélia empatou em casa com a Nigéria nesta sexta-feira, em 1 a 1, em partida válida pela última rodada das Eliminatórias africanas para a Copa do Mundo da Rússia, graças a um gol de pênalti convertido nos minutos finais do jogo, que marcou o retorno do maior ídolo da história argelina, Rabah Madjer, ao comando da equipe.

Na fase final das eliminatórias, o time argelino, uma das sensações da Copa de 2014, não venceu nenhum dos seis jogos que disputou e veio a campo já eliminada, mas com seus principais jogadores, como Riyad Mahrez e Islam Slimani, do Leicester, enquanto a Nigéria apostou em uma escalação alternativa, recheada de reservas, pois já havia garantido sua vaga com uma rodada de antecedência.

Mesmo sem seus maiores destaques, os nigerianos abriram o placar com John Ogu, aos 18 minutos do segundo tempo. A Argélia, no entanto, conseguiu evitar aquela que seria sua quinta derrota na competição graças a um gol de pênalti marcado por Yacine Brahimi, do Porto de Portugal, a dois minutos do fim.

O jogo também ficou marcado pelo retorno de Madjer, considerado o melhor jogador argelino de todos os tempos e que classificou a seleção de seu país para duas Copas do Mundo (1982 e 1986), no comando do time norte-africano pela terceira vez, após uma passagem entre 1994 e 1995, e outra entre 2000 e 2002.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte