Esporte

Em Wembley, Brasil terá 11 ideal de Tite para enfrentar a seleção inglesa

13/11/2017 16h35

Londres, 13 nov (EFE).- A seleção brasileira entrará em campo nesta terça-feira, às 18h (horário de Brasília), para o último jogo do ano, o amistoso contra uma desfalcada Inglaterra, no estádio de Wembley, em Londres, em que o técnico Tite deverá escalar em campo o time que considera ideal.

Após bater o Japão por 3 a 1, em partida que serviu de testes, com Danilo, Jemerson, Thiago Silva, Fernandinho, Giuliano e Willian em campo, contra os campeões mundiais de 1966, o objetivo é avaliar o desempenho dos principais jogadores do grupo, juntos, o que só aconteceu em dois jogos, por alguns minutos, nunca desde o início.

Contra Equador, na estreia de Tite, e Colômbia, no compromisso seguinte, a seleção entrou em campo com Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho, Renato Augusto, Neymar, Philippe Coutinho e Gabriel Jesus. Está será a escalação desde o primeiro minuto em Wembley.

"Tem uma competição muito grande, na busca desses atletas para iniciar. Falo na seleção e nos clubes. Tem uma série de concorrências fortes, e aí, o campo fala, o jogo tem que falar. Eu não posso ser presunçoso de pegar o que tá na minha cabeça para dentro do jogo", disse o técnico da seleção, em entrevista coletiva.

Primeiro rival europeu de Tite, a Inglaterra chega esfacelada por problemas físicos. Os volantes Jordan Henderson e Fabian Delph, os meias Harry Winks e Dele Alli, o meia-atacante Raheem Sterling e o centroavante Harry Kane foram cortados antes do duelo com a Alemanha, que terminou empatado em 0 a 0, também em Wembley.

Contra os atuais campeões mundiais, jovens como o goleiro Jordan Pickford, o lateral-direito Joe Gomez, o volante Jack Cork, o meia Ruben Loftus-Cheek e o atacante Tammy Abraham ganharam a oportunidade de estrear com a camisa do 'English Team'.

Com todos os problemas e cortes, o técnico Gareth Southgate chamou de última hora dois campeões mundiais sub-20 para completar o elenco, o volante Lewis Cook e o atacante Dominic Solanke, além do jovem goleiro Angus Gunn. O trio se apresentou no último sábado.

Para a partida, a novidade será o zagueiro Gary Cahill, que ficou fora do duelo com os alemães, por causa de problemas físicos. O jogador do Chelsea, no entanto, entrará na vaga de Phil Jones, que deixou o jogo da última sexta-feira com dores musculares.



Prováveis escalações:.

Inglaterra: Hart; Keane, Stones e Cahill; Walker, Dier, Loftus-Cheek, Livermore e Bertrand (ou Young); Rashford e Vardy. Técnico: Gareth Southgate.

Brasil: Alisson, Dani Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro; Paulinho e Renato Augusto, Coutinho e Neymar; Gabriel Jesus. Técnico: Tite.

Árbitro: Artur Soares Dias (Portugal), auxiliado pelos compatriotas Rui Licínio Tavares e Paulo Alexandre Santos Soares.

Estádio de Wembley, em Londres (Inglaterra).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo