Topo

Esporte

Técnico da seleção galesa se demite e deve assumir time da 2ª divisão inglesa

17/11/2017 19h28

Londres, 17 nov (EFE).- O técnico Chris Coleman anunciou nesta sexta-feira que pediu demissão do comando da seleção do País de Gales, após cinco anos na função, de acordo com a emissora britânica "BBC", para assumir o Sunderland, lanterna da segunda divisão do Campeonato Inglês.

O treinador galês, de 47 anos, estava dsede 2012 a frente da equipe de Gareth Bale, Aaron Ramsey e companhia, tendo alcançado às semifinais da Eurocopa, no ano passado. Nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, no entanto, a vaga não veio, com o terceiro lugar no grupo D, que tinha a classificada Sérvia e a Irlanda.

O último compromisso que Coleman comandou foi o amistoso com o Panamá, na última terça-feira. O jogo, disputado no Cardiff City Stadium, terminou empatado 1 a 1.

De acordo com a "BBC", o técnico está deixando a função para assumir o Sunderland. A equipe, rebaixada na temporada passada na primeira divisão do Campeonato Inglês, está em último entre 24 participantes da segunda, com dez pontos, conquistados em 16 jogos.

Os 'Black Cats' demitiram no fim de outubro o inglês Simon Grayson. O escocês Billy McKinlay e o inglês Robbie Stockdale estavam comandando interinamente o time.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte