Esporte

Barça fecha campanha no grupo D batendo o Sporting; Juve se classifica em 2º

05/12/2017 19h49

Barcelona, 5 dez (EFE).- Mesmo contando com Lionel Messi apenas na metade final do segundo tempo, o Barcelona venceu o Sporting por 2 a 0 no estádio Camp Nou nesta terça-feira, pela última rodada do grupo D da Liga dos Campeões, enquanto a Juventus obteve a segunda posição da chave ao bater o Olympiacos no estádio Georgios Karaiskakis, na Grécia, pelo mesmo placar.

O Barça já havia confirmado a presença no mata-mata como primeiro colocado, mas mesmo assim foi em busca de um bom resultado e fez 1 a 0 graças a um gol de cabeça marcado por Pablo Alcácer no segundo tempo. Mathieu, ex-jogador 'blaugrana', marcou contra nos instantes finais e fechou a conta.

Invicto, o time catalão encerrou a campanha na chave com 14 pontos, três a mais que a Juve. As duas equipes conhecerão seus adversários nas oitavas em sorteio que será realizado na próxima segunda, em Nyon, na Suíça. Os 'Leões' têm que se contentar com uma vaga na fase de 16 avos de final da Liga Europa, já que ficou em terceiro lugar, com sete pontos. O Olympiacos foi o lanterna, com apenas um.

Já classificado, o Barça entrou em campo com apenas três titulares na formação inicial: o zagueiro Piqué, o meia Rakitic e o atacante Luis Suárez. No Sporting, a principal surpresa foi a escalação do meia Bruno César, ex-jogador de Corinthians e Palmeiras, na lateral esquerda.

Quem precisava do resultado eram os 'Leões', mas foi o time anfitrião que propôs o jogo. Logo com 30 segundos de bola rolando, Alcácer passou para Vidal, que bateu cruzado para boa defesa do goleiro Rui Patrício.

O time anfitrião criava bastante, mas pecava nas finalizações, como aconteceu aos 17 minutos. Luis Suárez acelerou e passou para Vidal, que dominou na meia-lua e encheu o pé, encobrindo a meta. Dois minutos depois, André Gomes tirou tinta da trave com uma finalização da entrada da área.

Luis Suárez, que não faz uma boa temporada, tentava assumir o protagonismo, mas tinha dificuldades. O centroavante limpou bem a marcação, aos 24 minutos, mas parou na ótima saída do goleiro da seleção portuguesa. Mais tarde, aos 36, Bruno Fernandes arriscou de muito longe, mas, atento, Cillessen defendeu em dois tempos.

Não havia alternativa para o Sporting, que voltou do intervalo com uma postura mais ofensiva e dois novos nomes. Gelson Martins e Dost entraram nas vagas de Ristovski e Alan Ruíz. O meia português apareceu bem aos sete minutos, quando driblou Vermaelen, mas, com espaço, não pegou bem na bola e isolou.

O momento parecia favorável aos 'Leões', mas quem abriu o placar foi o Barça. Após escanteio da esquerda, aos 13 minutos, Alcácer se antecipou à marcação na primeira trave e desviou de cabeça para fazer 1 a 0.

O empate poderia poderia ter acontecido quatro minutos depois, mas Cillessen salvou o time 'blaugrana'. Bruno Fernandes cruzou, Dost chutou de primeira e o goleiro holandês interveio de maneira providencial.

Messi, que entrara pouco depois do gol de Alcácer, deu as caras aos 22 minutos. O craque argentino fez a enfiada na esquerda para Luis Suárez, que encheu o pé. Rui Patrício impediu o gol do uruguaio, que retribuiu o passe seis minutos depois, mas o camisa dez errou o alvo. Instantes depois, 'Luisito' foi substituído por Paulinho.

O capitão do Barcelona estava em versão garçom e serviu Alcácer aos 43 minutos. O atacante ia avançando sozinho, mas foi travado na hora H por Piccini. Na sequência, aos 45, Messi acionou Denis Suárez, que cruzou por baixco mirando o próprio Alcácer. Na tentativa de cortar, Mathieu, que deixou a equipe anfitriã no meio do ano, acabou marcando contra.

Na cidade de Pireus, na Grécia, o primeiro dos gols que selaram a classificação da Juventus aconteceu aos 15 minutos da etapa inicial. Alex Sandro cruzou na medida e encontrou Cuadrado livre na área. O colombiano concluiu com categoria e garantiu a vitória da hexacampeã italiana. No segundo tempo, aos 45, Bernadeschi arrematou cruzado e fez 2 a 0.



Ficha técnica:.

Barcelona: Cillessen; Semedo, Piqué (Busquets), Vermaelen e Digne; André Gomes, Rakitic e Denis Suárez; Aleix Vidal (Messi), Alcácer e Luis Suárez (Paulinho). Técnico: Ernesto Valverde.

Sporting: Rui Patrício; Piccini, Coates, Mathieu e Bruno César (Fabio Coentrão); Battaglia e William Carvalho; Ristovski (Gelson Martins), Bruno Fernandes e Acuña; Ruíz (Dost). Técnico: Jorge Jesus.

Árbitro: Craig Thomson (Escócia), auxiliado pelos compatriotas Alan Mulvanny e Graeme Stewart.

Cartões amarelos: Semedo (Barcelona); Ruíz (Sporting).

Gols: Alcácer e Mathieu (contra) (Barcelona).

Estádio: Camp Nou, em Barcelona.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo