Esporte

Bayern dá troco e vence PSG, mas não consegue "roubar" ponta do grupo B

05/12/2017 19h56

Munique (Alemanha), 5 dez (EFE).- O Bayern de Munique confirmou a boa fase nesta terça-feira ao derrotar o Paris Saint-Germain por 3 a 1, em casa, na última rodada do grupo B da Liga dos Campeões, mas resultado não foi suficiente para que tirasse a liderança da equipe de Neymar, que teve atuação discreta na partida.

Depois de perder na ida por 3 a 0 na capital francesa, ainda sob o comando do italiano Carlo Ancelotti, o campeão alemão, agora com o veterano Jupp Heynckes como técnico, largou na frente logo aos 8 minutos do primeiro tempo, com gol do atacante polonês Robert Lewandowski.

Aos 37 da etapa inicial, o meia francês Corentin Tolisso marcou pela primeira vez na partida, fazendo o segundo dele aos 24 da etapa final. Entre os dois gols do ex-jogador do Lyon, o atacante francês Kylian Mbappé descontou, após passe cheio de categoria do atacante uruguaio Edinson Cavani.

O terceiro integrante do badalado trio ofensivo do PSG, Neymar, apareceu bem duas vezes no primeiro tempo, em finalizações que levaram perigo. No geral, porém, apareceu pouco na segunda derrota da equipe na temporada - a segunda seguida também, depois do revés para o Strasbourg por 2 a 1, pelo Campeonato Francês.

Com o resultado, os dois times fecharam a fase de grupos com 15 pontos. O Paris Saint-Germain acabou na primeira colocação devido ao melhor desempenho no confronto direto. Com isso, a equipe terá direito a decidir em casa o duelo das oitavas de final, que será sorteado na próxima segunda-feira. O Bayern avançou em segundo.

A equipe alemã, apesar de não ter conseguido ficar com a liderança, confirmou a recuperação, pois, desde a derrota no estádio do Parc des Princes, entrou em campo 13 vezes, conquistando dez vitórias, empatando duas vezes e perdendo uma. No período, o time saltou do terceiro lugar do Alemão para se tornar líder disparado da competição.

Para o jogo desta terça-feira, os técnicos optaram por não dar descanso aos principais titulares, encarando o último compromisso como uma decisão. No Bayern de Munique, Coman, James Rodríguez, Ribèry e Lewandowski formaram o quarteto ofensivo. O lateral-direito Rafinha começou no banco de reservas e entrou nos minutos finais.

O PSG, por sua vez, só não contou com o volante naturalizado italiano Thiago Motta, que está lesionado. Na frente, o badalado ataque formado por Mbappé, Neymar e Cavani foi escalado junto mais uma vez. A equipe ainda teve Daniel Alves, Marquinhos e Thiago Silva no 11 inicial.

Nos primeiros momentos, o time da casa buscou mostrar a intenção de se impôr diante da torcida, ficando com a bola e buscando chegar ao setor ofensivo em velocidade. A primeira boa chance, no entanto, foi dos visitantes, aos 2 minutos, quando Mbappé recebeu na direita e encheu o pé, parando na defesa de Ulreich.

Enquanto o Paris Saint-Germain tentava sair me velocidade, o Bayern conseguiu traduzir o domínio territorial em gol logo aos 8 minutos, quando Lewandowski ficou com sobra, após cruzamento da esquerda de James Rodríguez, corte da zaga e toque de Coman. Daniel Alves acabou demorando para sair e deu condições ao polonês.

Até então discreto, Neymar apareceu pela primeira vez aos 21, ao sofrer falta na entrada da área. O próprio camisa 10 cobrou, mas por cima do gol. Aos 32, o brasileiro tabelou com Mbappé e bateu colocado no canto esquerdo de Ulreich, que conseguiu fazer grande defesa.

Se valendo da máxima de "quem não faz, leva", o Bayern chegou ao segundo gol aos 37, quando James Rodríguez acertou cruzamento primoroso da esquerda e achou Tolisso dentro da área. O meia francês testou sem chances para Areola, ampliando o marcador.

O segundo tempo começou com o PSG balançando as redes logo aos 5 minutos. Cavani recebeu no lado direito da área e ajeitou com extrema categoria para Mbappé, que apareceu para cabecear firme para o fundo das redes.

A pressão do time francês seguiu intensa na etapa complementar. Aos 15, Draxler recebeu na entrada da área e bateu fraco para a defesa de Ulreich. No minutos seguinte, o goleiro alemão brilhou ainda mais intensamente, ao espalmar uma bomba de Mbappé.

Depois de passar a primeira metade da etapa final acuado, o Bayern conseguiu ampliar aos 24 minutos, quando Coman fez jogada individual de muita velocidade, passou por Daniel Alves e rolou para Tolisso marcar pela segunda vez na partida.

Não podendo sofrer mais dois gols, o que custaria a liderança da chave, o PSG saiu para o ataque. Aos 34, Mbappé teve oportunidade, mas bateu por cima do gol. No minuto seguinte, após cobrança de escanteio, Marquinhos emendou um voleio, mas também errou o alvo.

Já nos acréscimos, o time parisiense teve uma nova oportunidade, de novo com a revelação francesa, que recebeu de Cavani e finalizou forte, obrigando Ulreich a fazer defesa ousada, com o peito.

No outro jogo da chave, envolvendo duas equipes eliminadas, o Anderlecht superou Celtic por 1 a 0, na Escócia, graças a gol contra do zagueiro croata Jozo Simunovic. Apesar do revés, a equipe de Glasgow terminou na terceira posição e disputará a sequência da Liga Europa. O time belga, por sua vez, encerra a temporada continental.



Ficha técnica:.

Bayern de Munique: Ulreich; Kimmich, Süle, Hummels e Alaba (Rafinha); Tolisso, Rudy, Coman, Rodríguez (Vidal) e Ribèry (Müller); Lewandowski. Técnico: Jupp Heynckes.

Paris Saint-Germain: Areola; Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva (Kimpembe) e Kurzawa; Rabiot, Verratti e Draxler (Lo Celso); Mbappé, Neymar e Cavani. Técnico: Unai Emery.

Árbitro: Cüneyt Çakir, auxiliado pelos compatriotas Bahattin Duran e Tarik Ongun.

Gols: Lewandowski e Tolisso (2) (Bayern de Munique); Mbappé (Paris Saint-Germain).

Cartões amarelos: Rodríguez, Kimmich, Tolisso e Rudy (Bayern de Munique); Marquinhos e Draxler (Paris Saint-Germain).

Estádio: Allianz Arena, em Munique (Alemanha).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo