Topo

Esporte

Tetracampeão da Volta da França é pego no antidoping em evento na Espanha

Jose Jordan/AFP
Imagem: Jose Jordan/AFP

13/12/2017 06h11

A União Ciclista Internacional (UCI) confirmou nesta quarta-feira, em um comunicado, que uma exame antidoping do ciclista britânico Chris Froome deu positivo para salbutamol, um broncodilatador, na última edição da Volta da Espanha.

Na nota, a organização afirma que Froome, quatro vezes campeão da Volta da França e vencedor da competição na Espanha neste ano, testou positivo em um controle realizado no dia 7 de setembro e que foi comunicado do resultado no dia 20 daquele mês.

A análise da amostra B do ciclista confirmou os resultados, segundo a UCI, explicando que a presença de substâncias como o Salbutamol numa amostra não implicam na suspensão provisória obrigatória do corredor.

A UCI conclui seu comunicado observando que neste momento do procedimento não fará mais comentários sobre o caso.

Já Froome, em comunicado, justificou o resultado positivo pelo uso de um remédio contra asma. Ele terá de se defender para justificar a alta concentração de salbutamol encontrada em sua urina.

"Todos sabem que tenho asma, e conheço exatamente as regras. Utilizo um inalador para tratar os sintomas (sempre nos limites permitidos) e, com certeza, sei que sou examinado a cada dia que uso a camisa do líder", disse.

"Minha asma se agravou durante a Volta. Assim, eu segui os conselhos do médico da equipe para aumentar minhas doses de salbutamol. Como sempre, tomei as maiores precauções para não superar a dosagem permitida", completou.

Froome, de 32 anos e quatro vezes vencedor na França, conquistou neste ano seu primeiro título da Volta da Espanha. O pódio foi completado pelo italiano Vincenzo Nibali e o russo Ilnur Zakarin.
 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte