Topo

Esporte

Revezamento da tocha olímpica de Tóquio 2020 durará cerca de 130 dias

AFP PHOTO / Jim WATSON
Dançarinos exibem bandeira da Tóquio-2020 Imagem: AFP PHOTO / Jim WATSON

26/12/2017 12h04

O revezamento da tocha para os Jogos de Tóquio, em 2020, durará aproximadamente 130 dias, disse nesta terça-feira o presidente do comitê organizador, Yoshiro Mori, mais tempo do que havia sido solicitado pelo Comitê Olímpico Internacional (COI).

Atravessar as 47 províncias do Japão exigiria muito tempo, disse Mori após uma reunião com a governadora de Tóquio, Yuriko Koike, na qual se discutiu o percurso da chama olímpica pelo território do país. As informações são da agência de notícias "Kyodo".

O COI havia solicitado que o revezamento da tocha aconteça em 100 dias e pediu ao comitê organizador que decida o ponto de partida e o número de jornadas necessárias até março do ano que vem.

Entretanto, a organização da próxima edição dos Jogos Olímpicos vem encontrando problemas para fechar os detalhes por desejarem passar por diversos lugares, incluindo a região nordeste do país, uma das mais castigadas pelo terremoto e o tsunami de 2011. Com isso, o anúncio do trajeto deverá ser feito apenas no meio de 2019.

O ritual de acendimento da Chama Olímpica teve início em 1928, em Amsterdã, a partir de uma ideia de um empregado da companhia elétrica local. Já o revezamento da tocha até o estádio olímpico foi uma iniciativa de Berlim 1936.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte