Topo

Esporte

Chelsea goleia, vê United tropeçar e assume a vice-liderança do Inglês

30/12/2017 17h42

Redação Central, 30 dez (EFE).- Com direito a gol de Willian, o Chelsea goleou neste sábado o Stoke City por 5 a 0, em casa, e assumiu a vice-liderança do Campeonato Inglês, graças ao empate sem gols do Manchester United com o Southampton, em pleno estádio Old Trafford.

O meia da seleção brasileira, que começou como titular, anotou o quarto gol dos 'Blues', aos 28 do segundo tempo, cobrando pênalti. Além disso, deu duas assistências, para que o zagueiro alemão Antonio Rüdiger abrisse o placar aos 3 da etapa inicial, e o meia-atacante espanhol Pedro, fizesse o terceiro da equipe, 20 minutos depois.

O meia Danny Drinkwater e o ala-direito italiano Davide Zappacosta completaram a lista de artilheiros do Chelsea na partida.

Com a vitória, a equipe do zagueiro David Luiz, que voltou a ficar fora da relação do técnico italiano Antonio Conte para o jogo, chegou aos 45 pontos, 13 atrás do Manchester City, que amanhã visitará o Crystal Palace.

O Manchester United, por sua vez, foi a 44 pontos, ao empatar com o Southampton, em seus domínios, em 0 a 0. Após o apito final, não faltaram vaias dos torcedores dos Diabos Vermelhos pela atuação ruim da equipeda casa na segunda etapa.

Para piorar, o time comandado pelo português José Mourinho perdeu o atacante belga Romelu Lukaku ainda no início do duelo, devido a forte choque de cabeça com o zagueiro holandês Wesley Hoedt.

No tempo complementar, o United chegou a marcar, com o meia francês Paul Pogba, aos 37. O craque tocou na bola, após finalização para o gol, que ia em direção ao fundo das redes, do volante sérvio Nemanja Matic, mas acabou flagrado em posição de impedimento.

No estádio Anfield Road, o Liverpool chegou a levar susto, mas conseguiu a reviravolta no placar e venceu o Leicester por 2 a 1, se garantindo entre os quatro primeiros colocados do Inglês, na virada de 2017 para 2018.

Os visitantes saíram na frente logo aos 3 minutos do primeiro tempo, quando o atacante Jamie Vardy balançou as redes. Depois do intervalo, aos 7, o atacante egípcio Mohamed Salah deixou tudo igual. O mesmo jogador balançou as redes para os 'Reds' aos 31, decretando a virada.

Com o resultado, o time de Philippe Coutinho e Roberto Firmino, titulares hoje, chegou aos 41 pontos, ficando em quarto, quatro pontos a frente de Tottenham e Arsenal, quinto e sexto na tabela, respectivamente, que ainda entrarão em campo na 21ª rodada.

O Burnley, por sua vez, perdeu chance de reduzir, mesmo que provisoriamente, a distância para 'Spurs' e 'Gunners', ao empatar fora de casa com o Huddersfield, fora de casa, em 0 a 0. A equipe do técnico Sean Dyche tem 34 pontos e está no sétimo posto.

O Everton, que tentava manter a invencibilidade, que poderia ter chegado a oito jogos, acabou derrotado, longe de seus domínios, pelo Bournemouth por 2 a 1. O atacante escocês Ryan Fraser balançou as redes duas vezes para os anfitriões. O meia senegalês Idrissa Gueye descontou.

O Watford, do goleiro Gomes e do atacante Richarlison, acabou batido em casa pelo Swansea por 2 a 1, de virada. Com o resultado, a equipe do País de Gales chegou a 16 pontos e deixou a lanterna da competição nas mãos do West Bromwich, que amanhã receberá o Arsenal.

Em outro jogo deste sábado, o Newcastle voltou a sair de campo sem a vitória, o que aconteceu em 11 dos últimos 12 compromissos no Inglês, ao empatar em casa com o Brighton em 0 a 0.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte