Topo

Esporte

Barça evita falar sobre cláusula anti-independência em contrato de Messi

05/01/2018 10h02

Barcelona, 5 jan (EFE).- O Barcelona recorreu à confidencialidade que rege o contrato do atacante Lionel Messi para evitar falar sobre a existência de uma cláusula anti-independência no vínculo entre o jogador e o clube no caso de uma possível separação da Catalunha.

O jornal espanhol "El Mundo" afirmou nesta sexta-feira que Messi só seguiria no Barcelona se uma hipotética independência da Catalunha o permitisse jogar em "ligas de primeiro nível na Europa": na Inglaterra, na Alemanha, na França ou na Espanha.

Fontes do clube consultadas pela Agência Efe não confirmaram nem desmentiram a existência da cláusula, alegando que não podiam falar sobre detalhes dos contratos dos jogadores do clube.

Caso ocorra a independência da Catalunha e a cláusula seja ativada, Messi, que tem vínculo com o clube até 2021, poderia rescindir automaticamente sem contrato sem ter que pagar o valor de rescisão, que chega a 700 milhões de euros.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte