Topo

Esporte

Justiça espanhola reabre investigação contra Xabi Alonso por fraude fiscal

15/01/2018 13h42

Madri, 15 ene (EFE).- A Audiência Provincial de Madri reabriu a investigação judicial contra o ex-jogador Xabi Alonso por fraude fiscal que teria sido cometida entre 2010 e 2012, quando o espanhol jogava no Real Madrid.

Segundo fontes ligadas ao processo, o tribunal aceitou o recurso do promotor José Javier Polo contra o engavetamento da causa, definido por um juiz de instrução da capital da Espanha.

A decisão da Audiência de Madri pretende que a investigação seja reaberta para determinar se os contratos de direitos de imagem do jogador eram simulados ou não para influenciar no pagamento de impostos.

Xabi Alonso foi denunciado em fevereiro de 2016 após uma investigação iniciada em uma denúncia da Fazenda espanhola a pedido da Procuradoria Geral do Estado, depois de um relatório inicial que pedia o arquivamento dos autos.

Além do ex-volante, foram denunciados pela Promotoria de Madri por possível delito contra a Fazenda Pública o zagueiro Ricardo Carvalho, o lateral Fábio Coentrão e o meia Ángel Di María, ambos também ex-atletas do Real, além do atacante Radamel Falcao, que defendeu o Atlético de Madrid e atualmente veste a camisa do Monaco. EFE

lca/dr

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte