Topo

Esporte

Em dia duro para favoritos, Nadal é exceção e avança fácil à 3ª rodada

17/01/2018 12h02

Redação Central, 17 jan (EFE).- O espanhol Rafael Nadal venceu nesta quarta-feira o argentino Leonardo Mayer e se garantiu na terceira rodada do Aberto da Austrália, em dia de sofrimento para diversos favoritos, entre eles o búlgaro Grigor Dimitrov, a dinamarquesa Caroline Wozniacki, a ucraniana Elina Svitolina e a letã Jelena Ostapenko.

O número 1 do ranking da ATP avançou, como já havia acontecido na estreia, sem ceder sets, fechando duelo com o 52º da classificação do circuito masculino, em duelo que teve parciais de 6-3, 6-4 e 7-6 (4). O jogo teve duração de duas horas e 38 minutos.

Com a vitória de hoje, Nadal agora terá pela frente o bósnio Damir Dzumhur, 28º cabeça de chave da competição, que hoje despachou o australiano John Millman por 3 sets a 1, com parciais de 7-5, 3-6, 6-4 e 6-1, em duas horas e 39 minutos.

Dimitrov, terceiro favorito do torneio, precisou suar muito a camisa para passar pelo americano Mackenzie McDonald, apenas o 186º do mundo. O búlgaro fechou confronto em cinco sets, com 4-6, 6-2, 6-4, 0-6 e 8-6, em maratona de três horas e 25 minutos.

Agora, o semifinalista da edição passada do Aberto da Austrália pegará o russo Andrey Rublev, que hoje avançou ao bater o cipriota Marcos Baghdatis, em jogo que teve placar de 3 sets a 1, com parciais de 6-4, 7-6 (5), 6-4 e 6-2, em três horas e dois minutos.

O croata Marin Cilic, cabeça de chave número 6, derrotou o português João Sousa em sets diretos, com 6-1, 7-5 e 6-2 e agora duelará com o americano Ryan Harrison, que surpreendeu o uruguaio Pablo Cuevas, passando pelo adversário por 3 a 0, com 6-4, 7-6 (5) e 6-4.

O francês Jo-Wilfried Tsonga, 15º favorito, foi outro que sofreu para avançar, em duelo com o jovem e promissor canadense Denis Shalopalov, em batalha de três horas e 37 minutos, fechada com 3-6, 6-3, 1-6, 7-6 (4) e 7-5. Agora, o campeão do torneio em 2008 pegará o australiano Nick Kyrgios, cabeça de chave 17, que hoje bateu o sérvio Viktor Troicki em sets diretos, com 7-5, 6-4 e 7-6 (2).

Na chave feminina, Caroline Wozniacki, favorita de número 2, lutou muito, para vencer de virada a croata Jana Fett, atual 103ª colocada na classificação da WTA. A partida foi fechada em 2 sets a 1, com parciais de 3-6, 6-2 e 7-5, em duas horas e 31 minutos.

A tenista nórdica, na terceira rodada enfrentará a holandesa Kiki Bertens, 30ª cabeça de chave, que despachou a americana Nicole Gibbs, em sets diretos, com 7-6 (3) e 6-0. A partida teve duração de apenas uma hora e 16 minutos.

Svitolina, favorita de número 4, foi outra que precisou reverter desvantagem para se classificar, em jogo contra a tcheca Katerina Siniakova, fechada em 4-6, 6-2 e 6-1. A ucraniana, agora, pegará a compatriota Marta Kostyuk, que vem do qualifying, e hoje superou a australiana Olivia Rogowska, em sets diretos, com 6-3 e 7-5.

Sétima cabeça de chave, Ostapenko avançou ao derrotar a chinesa Ying-Ying Duan, também em três sets, com 6-3, 3-6 e 6-4. A campeã de Roland Garros agorá jogará contra a estoniana Anett Kontaveit, 32ª cabeça de chave, que hoje venceu a alemã Mona Barthel por 2 sets a 1, com 6-3, 4-6 e 6-3.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte