Topo

Esporte

Atlético e Valencia tropeçam pelo Espanhol; Villarreal tira Real do G4

20/01/2018 20h55

Madri, 20 jan (EFE).- Apesar de terem entrado em campo como amplos favoritos, Atlético de Madrid e Valencia, respectivamente vice-líder e terceiro colocado, tropeçaram pela 20ª rodada do Campeonato Espanhol neste sábado e deram ainda mais tranquilidade ao Barcelona, que neste domingo poderá abrir 15 pontos de vantagem na ponta da tabela.

O 'Atleti' jogou em casa contra o Girona e empatou em 1 a 1, indo a 43 pontos, enquanto o Valencia visitou o lanterna Las Palmas e perdeu por 2 a 1, parando em 40. O Barça já soma 53 e entrará em campo neste domingo na cidade de Sevilha para enfrentar o Betis, nono.

Também neste sábado, o Real Madrid deixou a zona de classificação para a próxima Liga dos Campeões ao cair para o quinto lugar. O time do técnico Zinedine Zidane foi ultrapassado pelo Villarreal, que superou o Levante, mas pode recuperar o posto no G4 amanhã, quando receberá o Deportivo La Coruña.

No estádio Wanda Metropolitano, em Madri, os 'Colchoneros' estiveram abaixo do esperado desde o primeiro tempo, mas mesmo assim abriram o placar antes do intervalo. Aos 34 minutos, Diego Costa preparou de cabeça, Griezmann bateu firme e fez 1 a 0.

Na segunda etapa, o 'Atleti' pareceu ter o jogo sob controle, apesar da diferença de apenas um gol, o que levou o técnico Diego Simeone a sacar Diego e Griezmann, já pensando na partida da próxima terça-feira, pelas quartas de final da Copa do Rei, contra o Sevilla, em que terá de reverter a desvantagem de ter perdido por 2 a 1 em Madri na ida.

A escolha foi ruim, já que o time perdeu poder de fogo e deu campo ao Girona. A equipe catalã então buscou o empate, que o levou à oitava posição, com um gol aos 28 minutos, com Portu, que aproveitou a escorada de Bernardo e deixou tudo igual.

Adversário do Atlético no meio de semana, o Sevilla se manteve na sexta colocação ao vencer o Espanyol, 14º, por 3 a 0 em pleno estádio Cornellà-El Prat. Vázquez, Sarabia e Muriel balançaram a rede uma vez cada.

O Valencia, que poderia ter voltado à vice-liderança, foi surpreendido pelo Las Palmas no Estádio de Gran Canaria, com o zagueiro Gabriel Paulista como vilão. Os visitantes até fizeram 1 a 0, com gol de Mina, logo aos cinco minutos de bola rolando, mas levaram o empate aos 20, em gol marcado por Viera.

O drama da equipe do técnico Marcelo García Toral ficou maior logo no começo do segundo tempo. Aos oito minutos, Gabriel Paulista cometeu pênalti ao bloquear um cabeceio com a mão, reclamou muito e foi expulso. Calleri, ex-São Paulo, cobrou e converteu.

Já o Villarreal subiu para quarto com um triunfo sobre o Levante, 16º, também por 2 a 1 em casa, no Estádio de La Cerámica. Trigueros e Cheryshev abriram 2 a 0, e Roger, aos 49 minutos da etapa final, diminuiu.

Mais Esporte