Topo

Esporte

Atalanta é punido devido manifestações racistas contra zagueiro do Napoli

23/01/2018 13h38

Roma, 23 jan (EFE).- A liga que organiza o Campeonato Italiano puniu nesta terça-feira a Atalanta, por causa de manifestações racistas durante o jogo de anteontem com o Napoli, pela 21ª rodada da competição, disputado no estádio Atleti Azzurri d'Italia, em Bérgamo.

Os cantos se dirigiram contra o zagueiro senegalês Kalidou Koulibaly, e foram registrados por volta dos 20 minutos do segundo tempo da partida, vencida pelo líder do Italiano, de acordo com a sentença de um juiz disciplinar da Lega Serie A.

O clube não poderá vender ingressos para o setor norte do estádio, se atos como os deste domingo se repetirem em prazo estabelecido na sentença, de um ano.

Durante o jogo, o próprio Koulibaly fez protesto com o árbitro Daniele Orsato. De acordo com a liga, foram responsabilizados cerca de 4 mil torcedores da Atalanta, por discriminação racial.

Esta é a segunda vez neste ano que um clube é punido no Campeonato Italiano por racismo. O primeiro foi o Verona, devido cantos direcionados ao volante francês Blaise Matuidi, da Juventus. EFE

am/bg

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte