Topo

Esporte

Liga francesa rescinde com empresa de tecnologia da linha do gol, diz jornal

23/01/2018 15h59

Paris, 23 jan (EFE).- A liga que organiza o Campeonato Francês (LFP) rescindiu o contrato com a empresa alemã GoalControl, que fornecia o sistema de verificação de gols, conforme veiculou nesta terça-feira o jornal francês "L'Équipe".

A publicação afirma ter acesso a um email enviado pelo diretor-geral da entidade, Didier Quillot, aos membros do Conselho da LFP, informando o rompimento do vínculo.

A liga, que chegou a abrir investigação sobre os erros das últimas semanas, optou pela rescisão após constatar falhas nos sistema de tecnologia da linha do gol.

De acordo com o "L'Équipe", aponta que, no mês que vem, será lançada uma nova licitação, para contratar uma nova empresa que forneça o serviço de verificação dos gols.

A liga assinou com a GoalControl, que superou disputa com a inglesa Hawk Eye, que foi escolhida pela Premier League, da Inglaterra, a Bundesliga, da Alemanha, e a Lega Serie A, da Itália.

Na França, o sistema já está suspenso desde o dia 11 deste mês, devido aos 15 erros registrados nesta temporada, contra 11 durante toda a passada. A empresa alemã admitiu problema provocado pela diferença de luminosidade dos estádios, que alteraria o funcionamento do sistema de câmeras.

Além disso, representantes da GoalControl reconheceu que foram identificados erros humanos, que atrasaram a tomada de decisões, o que teria agravado os problemas.

Recentemente, a imprensa francesa apontou que a opção pela empresa alemã se deu por causa do custo menor que o da Hawk Eye, em cerca de 2 milhões de euros (R$ 7,9 milhões). Outro motivo teria sido o bom funcionamento do sistema na Copa do Mundo de 2014.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte