Topo

Esporte

Alexis Sánchez é condenado por fraude fiscal na Espanha mas escapa da prisão

07/02/2018 10h35

Barcelona (Espanha), 7 fev (EFE).- O atacante Alexis Sánchez, do Manchester United, fez acordo com o Ministério Público da Espanha, conforme a justiça do país divulgou nesta quarta-feira, e foi condenado por fraude fiscal, crimes cometidos entre 2012 e 2013, época em que defendia o Barcelona.

O jogador foi acusado de sonegar cerca de 1 milhão de euros (R$ 4 milhões), em valores referentes a direitos de imagem. A quantida foi devolvida com juros, após admissão de que foram usadas empresas de fachada para fazer a ocultação da Receita espanhola.

No acordo, com a admissão dos crimes e o pagamento da dívida, Sánchez aceitou duas penas de oito meses de prisão, que não precisará cumprir, de acordo com sentença de conformidade, que será redigida em tribunal de Barcelona.

Além disso, o atacante pagará multa de pouco mais de 590 mil euros (R$ 2,3 milhões), e não poderá receber qualquer benefício público ou incentivo fiscal na Espanha pelos próximos dois anos.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte