Topo

Esporte


Porto cai diante do vice-lanterna e dá adeus a invencibilidade no Português

11/03/2018 20h42

Lisboa, 11 mar (EFE).- O Porto teve a invencibilidade no Campeonato Português encerrada neste domingo, com a derrota sofrida fora de casa para o modesto Paços de Ferreira, que entrou na 26ª rodada como vice-lanterna da competição, por 1 a 0.

O gol solitário da partida, que decretou o primeiro revés dos Dragões, foi marcado pelo zagueiro português Miguel Vieira, aos 34 minutos do primeiro tempo.

Na etapa complementar, aos 23, o zagueiro brasileiro Felipe foi derrubado na área pelo lateral-esquerdo português Filipe Ferreira. O meia argelino Yacine Brahimi foi para a cobrança e acabou parando na defesa do goleiro português Mário Felgueiras.

Além do ex-Corinthians, o Porto teve em campo também o meia Otávio, ex-Internacional, que substituiu o ganês Majeed Waris no decorrer do segundo tempo.

Com a derrota, a equipe ficou estacionada na marca de 67 pontos, apenas dois a frente do Benfica, que ontem derrotou o Desportivo Aves por 2 a 0, no Estádio da Luz.

O Paços de Ferreira, do meia Rafael Assis, ex-Cruzeiro e Bahia, e do atacante Luiz Phellype, ex-Desportivo Brasil, chegou aos 24 pontos, saltando para o 14º lugar. Agora, o Moreirense é o time que faz companhia ao lanterna, Estoril, na zona de rebaixamento.

O Marítimo se manteve vivo na luta por vaga na Liga Europa, ao bater em casa o Vitória de Setúbal por 4 a 2. A equipe da Ilha da Madeira contou com gols do brasileiro Rodrigo Pinho, ex-Madureira, e do camaronês Joel, ex-Santos e Botafogo. O lateral-direito Patrick Vieira, ex-América-MG, marcou para os visitantes.

O Portimonense, por sua vez, saltou para o nono lugar ao vencer o Vitória de Guimarães por 2 a 1, também em seus domínios. O atacante Wellington Carvalho, ex-Figueirense, balançou as redes para os anfitriões, e o atacante Raphinha, ex-Avaí, fez o de honra da equipe alvinegra, que teve o goleiro Douglas, ex-Santos, expulso.

Ainda neste domingo, Belenenses e Tondela empataram em 0 a 0, em partida disputada em Lisboa. Os dois times chegaram aos 29 pontos, ficando com sete a mais que o Moreirense, primeiro na zona de rebaixamento.

Mais Esporte