Topo

Esporte

Contra Nacional, Santos vai atrás de reabilitação após derrota na estreia

14/03/2018 16h53

São Paulo, 14 mar (EFE).- O Santos vai em busca de reabilitação na Taça Libertadores nesta quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), em duelo com o Nacional, do Uruguai, em segundo compromisso pelo grupo 6, em que o clube paulista estreou com o pé esquerdo, sendo derrotado pelo Real Garcilaso, do Peru.

Na altitude de Cuzco, os comandados por Jair Ventura acabaram superados pelo adversário por 2 a 0. Mais do que o resultado negativo, o Peixe decepcionou pelo desempenho na partida em que abriu participação no torneio continental.

Com o revés na abertura da chave para o Garcilaso, o Santos ocupa a lanterna isolada, já que o Nacional não foi além de empate sem gols com o Estudiantes, da Argentina, em Montevidéu, fazendo com que as duas equipes ficassem com um ponto.

O jogo, por decisão da diretoria, não será disputado no estádio da Vila Belmiro, tradicional casa do Alvinegro Praiano. O palco do primeiro compromisso como mandante no torneio será no Pacaembu, na capital paulista, onde o Santos costuma levar grande público e receber muito apoio.

Para a partida, a principal aposta volta a ser em Gabigol, que foi quem mais teve oportunidades de mudar a história da estreia, mas acabou pecando nas finalizações. Dessa vez, de acordo com os últimos treinos, os ex-Inter de Milão e Benfica terá companhia de Léo Citadini, Eduardo Sasha e Rodrygo, no setor ofensivo.

Este último, jovem de 17 anos, vem ganhando cada vez mais peso na equipe, tanto é que, após ganhar a titularidade, teve solicitada a dispensa de convocação para a seleção sub-20, que fará amistosos contra o México, em Manaus, nos dias 22 e 25 deste mês.

A principal novidade entre os relacionados para o jogo é o lateral-direito Victor Ferraz, que se recuperou de lesão no ombro direito. O antigo dono da posição, no entanto, deverá ficar no banco de reservas, enquanto Daniel Guedes é favorito para iniciar o duelo.

O Nacional, que também buscará a primeira vitória nesta edição do torneio, desembarcou em São Paulo com duas boas notícias para o técnico Alexander Medina. O lateral-direito argentino Gino Peruzzi e o experiente meia Diego Arismendi foram liberados pelo departamento médico e estão na lista de convocados.

O primeiro, ex-Vélez Sarsfield e Boca Juniors, por ter menos ritmo de jogo, tem boas chances de começar como suplente, dando lugar ao volante Santiago Romero, que atuaria mais uma vez improvisado. Já o jogador de 30 anos tem tudo para começar jogando.



Prováveis escalações:.

Santos: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Alison, Vecchio, Eduardo Sasha, Léo Cittadini e Rodrygo; Gabigol. Técnico: Jair Ventura.

Nacional: Conde; Espino, Polenta e Corujo; Romero (ou Peruzzi), Arismendi, Oliva e Zunino; De Pena, Viudez e Fernández. Técnico: Alexander Medina.

Árbitro: Ulises Mereles (Paraguai); auxiliado pelos compatriotas Darío Gaona e Carlos Cáceres.

Estádio: Pacaembu, em São Paulo.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte