Topo

Esporte


West Ham decide banir torcedores que invadiram o campo contra o Burnley

14/03/2018 15h16

Londres, 14 mar (EFE).- O West Ham anunciou nesta quarta-feira que iniciou uma investigação para identificar os torcedores que invadiram, no último sábado, o campo durante o jogo contra o Burnley, no Campeonato Inglês, e que os banirá dos estádios.

Em comunicado divulgado no site do clube, o West Ham afirma que está trabalhando junto com a Polícia Metropolitana de Londres (Met) para identificar as pessoas que invadiram o gramado no último sábado, quando o time foi derrotado para o Burnley por 3 a 0.

O clube afirmou que os torcedores identificados serão banidos e não poderão mais assistir aos jogos do clube em casa ou fora. Além disso, o West Ham afirmou que pedirá à Justiça que essas pessoas nunca mais possam estar em estádios de futebol no futuro.

No sábado, após o gol de Ashley Barnes para os visitantes, um torcedor do West Ham invadiu o campo e foi retirado por Mark Noble, capitão dos donos da casa. Chris Wood fez o segundo, o que provocou a ira da torcida, que criticava os donos do time.

Com o terceiro e definitivo gol, o jogo foi interrompido depois de vários torcedores terem invadido o gramado. Na arquibancada, a torcida se virou para os camarotes do estádio e começou a protestar contra os donos do West Ham.

O West Ham está na 16ª posição do Campeonato Inglês, com 30 pontos, apenas três à frente da zona do rebaixamento.

Mais Esporte