Topo

Esporte

Jogadores de time da 3ª divisão argentina são agredidos e roubados

21/03/2018 17h05

Buenos Aires, 21 mar (EFE).- Os jogadores do Platense, que disputa a terceira divisão do Campeonato Argentina, foram agredidos e roubados por torcedores do próprio clube, conforme revelou o atacante Daniel Vega, nesta quarta-feira, à emissora "TyC Sports".

O caso aconteceu ontem à noite, logo após derrota da equipe para o Estudiantes, de Buenos Aires, em casa, por 1 a 0, em duelo de líderes da competição, já que ambos entraram na 27ª rodada da competição, com os mesmos 49 pontos.

"Depois da partida, estávamos com nossos familiares no ônibus, para ir ao hotel e depois voltar para nossas casa. Foi quando um grupo subiu no veículo e começou a nos xingar pelo resultado. Tudo se complicou quando começaram a roubar os uniformes que utilizamos", contou o atleta.

Vega admitiu que não viu nenhum dos torcedores portando armas, apenas agressões contra os jogadores, relatando que a principal preocupação foi com os familiares que estavam no ônibus. O atacante, além disso, disse ter reconhecido os envolvidos.

"Eu tenho visto a eles, mas não sei como se chamam, nem nunca tive aproximação. Não estava aqui, mas, me disseram que no ano passado aconteceu algo parecido", lamentou.

Segundo Vega, o presidente do Platense, Fernando Wendt, já fez a denúncia do caso as autoridades locais.

"Temos que conversar entre nós e focar no que vem pela frente. Perdemos um jogo importante, mas faltam sete rodadas, com 21 pontos em jogo. Há muito para disputar", garantiu o jogador, sobre a disputa do acesso direito - o segundo a subir virá de playoff.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte