Topo

Esporte

Sampaoli quer Argentina menos dependente de Messi e elogia seleção da Espanha

26/03/2018 16h18

Madri, 26 mar (EFE).- O técnico da Argentina, Jorge Sampaoli, declarou que busca construir uma identidade para a seleção Argentina, de modo que a equipe não dependa tanto de Lionel Messi, e disse que a Espanha, adversária no amistoso desta terça-feira, está entre as melhores da atualidade.

"Messi gera coisas que não acontecem com os outros jogadores, ele é inalcançável. É preciso entendê-lo e criar situações de treino que permitam que o deixem confortável e construir uma equipe relacionada com isto", comentou.

A 80 dias para a Copa do Mundo, Sampaoli pretende dar "a harmonia que (Messi) necessita" com uma equipe que tenha uma "identidade definida".

"Temos que encontrar identidade. A Argentina não pode sobrecarregar somente um titular. Temos que buscar isso. Seria muito bom começar a circular ao redor de um jogador que potencializa o resto. A metodologia que estamos implementando é que os demais ativem circunstâncias para aproveitar essa virtude", afirmou.

Para Sampaoli, um exemplo de equipe que já possui uma identidade bem definida é a Espanha, seleção que a Argentina enfrentará no estádio Wanda Metropolitano, em Madri.

"A Espanha é um time totalmente consolidado, não precisa consolidar nada. Tem muitas variantes em todos os lugares do campo. Encontrou jogadores de alto nível e uma identidade que é inegociável. Para mim, em termos de funcionamento de uma seleção, se não é a melhor hoje, está entre as melhores.

Sampaoli antecipou em coletiva de imprensa que os argentinos precisarão jogar "com valor e precisão". E, apesar da qualidade do rival, descartou entrar com um esquema defensivo contra a equipe treinada por Julen Lopetegui.

"Defender sem bola seria um erro. Ceder o protagonismo seria arriscado demais", comentou.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte