Topo

Esporte

Lopetegui minimiza goleada sobre Argentina e diz que na Copa será diferente

27/03/2018 19h57

Madri, 27 mar (EFE).- O técnico da Espanha, Julen Lopetegui, minimizou a importância da histórica goleada sobre a Argentina nesta terça-feira, ressaltando o fato de se tratar de apenas um amistoso, e lembrando que a dificuldade será muito maior na Copa do Mundo.

"Damos parabéns aos jogadores, mas também dizemos a realidade: o Mundial não começou ainda. Estamos contentes, ganhamos de uma equipe que vice-campeã da última Copa do Mundo em um dia fantástico. Mas é só isso", disse o treinador depois da goleada por 6 a 1.

Apesar do resultado dilatado, Lopetegui não acredita que haja distância entre as duas seleções, destacando o fato de a 'Albiceleste' ter atuado com vários desfalques, entre eles o do craque Lionel Messi.

"Se vocês não acreditam (no resultado), eu menos ainda. Ele é real, e a partida que fizemos também. O jogo começou igual, mas a Argentina tinha baixas importantíssimas. Na Copa será outra coisa, é diferente de um amistoso", explicou o comandante da 'Fúria'.

"Estamos contentes, mas não satisfeitos, porque o Mundial não começou ainda. Precisamos parabenizar o elenco, acreditar no caminho que iniciamos e apenas isso", completou.

Lopetegui, no entanto, acha válida a euforia da torcida com a vitória. "Não vou brigar com ninguém por ter ficado feliz ou esperançoso. Outra coisa é como vamos administrar isso internamente. É preciso tranquilidade e calma, sabemos onde estamos", ressaltou.

O técnico da Espanha também evitou polêmica ao falar de Isco, autor de três gols na partida. Perguntado se o meia-atacante deve ter mais tempo de jogo no Real Madrid, Lopetegui desconversou.

"Não vou opinar sobre isso. Seria uma intromissão se disse algo de um colega e de uma equipe. É uma decisão de (Zinedine) Zidane", afirmou o treinador da Espanha.

"Espero que ele (Isco) seja feliz nestes dois meses até a Copa e possa chegar com esperança e ambição", acrescentou.

Lopetegui também comentou pela disputa por uma vaga de centroavante na equipe titular. O técnico decidiu começar o jogo com Diego Costa, de volta à seleção após longa ausência, e o substituiu no segundo tempo por Iago Aspas. Ambos marcaram na partida.

"Tenho plena confiança nos dois e em todos os jogadores que estão conosco. Estou contente com os três jogadores que jogaram nessa posição nos dois amistosos contra Alemanha e Argentina", disse o técnico, citando o brasileiro naturalizado espanhol Rodrigo Moreno, do Valencia, autor do gol da 'Fúria' no empate contra os alemães.

"Os três oferecem coisas diferentes, assim como Morata. Tentaremos buscar em cada momento o que a equipe precisa", disse Lopetegui, incluindo na briga o atacante Álvaro Morata, do Chelsea, não convocado para os dois últimos jogos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte