Topo

Esporte

Perto do título gaúcho, Grêmio recebe campeão venezuelano pela Libertadores

03/04/2018 12h06

Porto Alegre, 3 abr (EFE).- O Grêmio, que neste domingo goleou o Brasil de Pelotas por 4 a 0, em casa, no primeiro jogo da final do Campeonato Gaúcho, volta as atenções nesta quarta-feira para a Taça Libertadores, em que receberá o Monagas, da Venezuela, pela segunda rodada do 1.

Em situação relativamente confortável, já que trouxe na bagagem um ponto do Uruguai, após empatar com o Defensor em 1 a 1, na estreia, e diante do adversário mais frágil da chave, na teoria, o Tricolor pode ter uma equipe recheada de reservas.

A possibilidade aumenta ainda mais, com o foco que o Grêmio vem dando a reta final do Gaúcho, competição em que chegou a flertar com o rebaixamento durante boa parte da fase inicial, mas arrancou, chegou a eliminar o arquirrival Internacional nas quartas, e pode se sagrar campeão no domingo.

O título encerraria um jejum iniciado em 2010, que foi sucedido por um amargo, para o torcedor tricolor, hexacampeonato do Colorado, além de doída derrota para o Novo Hamburgo, no ano passado, quando o técnico Renato Gaúcho priorizou o estadual, durante as primeiras rodadas da Libertadores que o clube conquistaria mais adiante.

Entre os que poderão ficar fora do duelo com o Monagas estão o goleiro Marcelo Grohe e o atacante Luan, que sequer treinaram na véspera da partida. O zagueiro Geromel, o lateral-esquerdo Bruno Cortez e o volante Ramiro também tem boas chances de serem poupados.

A principal novidade para o encontro com o campeão venezuelano deverá ser o retorno do lateral-esquerdo Marcelo Oliveira, que ficou fora dos gramados por duas semanas, devido desconforto muscular. O jogador, volante de origem, deve atuar na vaga de Cortez.

O Monagas, por sua vez, desembarcou domingo no Brasil, em meio a uma crise, já que está há 11 jogos sem vencer na temporada. Atualmente, a equipe está na 16ª e antepenúltima colocação do Torneio Apertura do Campeonato Venezuelano, com apenas oito pontos.

A equipe, que conseguiu resultado positivo em apenas uma partida, em 11 disputadas pela competição, tem a mesma pontuação do Estudiantes de Caracas, primeiro na zona de rebaixamento, que, por sua vez, atuou uma vez a menos que o atual campeão.

Para piorar, o técnico venezuelano Jhonny Ferreira não contará na Arena do Grêmio com o atacante argentino Juan Vogliotti, principal estrela da equipe, que foi expulso na estreia na Libertadores, em que a equipe foi derrotada pelo Cerro Porteño por 2 a 1.

Vale lembrar que a segunda rodada do grupo 1 da competição continental foi aberta no dia 13 de março, antes da parada para amistosos das seleções. Jogando em casa, o Cerro passou pelo Defensor por 2 a 1 e disparou na ponta, com seis pontos.



Prováveis escalações:.

Grêmio: Paulo Victor; Madson, Paulo Miranda, Kannemann e Marcelo Oliveira; Arthur, Jaílson, Michel, Alisson e Everton; Jael. Técnico: Renato Gaúcho.

Monagas: Baroja; Bracho, Lencinas, Trejo e Oscar González; Flores, Suárez, Reyes e García; Cádiz e Luis González. Técnico: Jhonny Ferreira.

Árbitro: Carlos Orbe (Equador), auxiliado pelos compatriotas Luis Vera e Edwin Bravo.

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte