Topo

Esporte

Vázquez comenta lance que deu vitória ao Real: "Sem discussão, foi pênalti"

11/04/2018 19h01

Madri, 11 abr (EFE).- O meia Lucas Vázquez, que sofreu o polêmico pênalti marcado a favor do Real Madrid no último minuto da partida contra a Juventus nesta quarta-feira, disse não ter dúvidas que o árbitro Michael Oliver agiu corretamente ao assinalar a penalidade máxima.

"É uma bola de Cristiano, que toca para mim. Não há discussão. É pênalti. É normal que eles protestem. Foi no último minuto e é normal que protestem até o final", disse o jogador à emissora "beIN Sport".

A Juventus, que havia perdido o primeiro jogo por 3 a 0 em Turim, vencia a partida de volta pelo mesmo placar no Santiago Bernabéu. Com o resultado, o confronto por uma vaga nas semifinais da Liga dos Campeões seguiria para a prorrogação.

Logo após a marcação do pênalti, o goleiro Gianluigi Buffon reclamou com o árbitro e foi expulso de campo com um cartão vermelho. Wojciech Szczesny entrou em seu lugar, mas não conseguiu evitar o gol de Cristiano na cobrança.

"Os minutos até o pênalti foram eternos, mas precisamos estar muito contentes porque estamos nas semifinais. Acho que é uma lição do futebol. Se relaxe ou não estiver concentrado fica, fora. A Champions não perdoa. Hoje sofremos até o final e o gol do pênalti foi decisivo. Vamos jogar com a maior motivação possível e iremos à final", explicou.

Mais Esporte