Topo

Esporte

Derrubado em Roma, Barça defende invencibilidade no Espanhol contra Valencia

12/04/2018 11h50

Madri, 12 abr (EFE).- Após a eliminação surpreendente nas quartas de final da Liga dos Campeões, com uma derrota para a Roma por 3 a 0 na Itália na última terça-feira, depois de ter vencido o jogo de ida por 4 a 1, o Barcelona recolhe os cacos e volta as atenções para o Campeonato Espanhol, pelo qual está invicto e jogará contra o Valencia no próxima sábado no Camp Nou.

Pouca gente poderia esperar o que aconteceu na terça no Estádio Olímpico de Roma, mas os gols marcados por Dzeko, De Rossi e Manolas deixaram a equipe 'blaugrana' pelo caminho. Restou ao comandados de Ernesto Valverde, então, enfocar os torneios locais, em que estão próximos de dois títulos.

Finalista da Copa do Rei, competição em que buscará o tetra consecutivo enfrentando o Sevilla no próximo dia 21, no estádio Wanda Metropolitano, o Barça lidera o Espanhol com 79 pontos, 11 a mais que o segundo colocado, o Atlético de Madrid.

Lionel Messi e companhia precisam de quatro vitórias nas sete rodadas restantes para ser campeão sem depender de outros resultados. Além disso, busca ficar com o troféu sem sofrer derrotas, mas tem alguns desafios mais duros para chegar lá.

O primeiro deles acontece neste sábado no Camp Nou. O adversário da vez, o Valencia, vem em uma sequência de cinco vitórias, o que o levou à terceira posição, com 65 pontos, à frente inclusive do Real Madrid, que é quarto, com 64.

Ernesto Valverde ainda vai esperar até esta sexta para definir o time que entrará em campo, já que alguns jogadores estão desgastados devido à sequência de partidas. Garantida é a ausência do meia Rakitic, que passou por cirurgia depois de ter fraturado um dedo da mão esquerda. Por outro lado, o lateral esquerdo reserva Digne se recuperou de uma lesão muscular na coxa esquerda e volta a ficar à disposição.

No Valencia, há uma expectativa pela classificação antecipada para a próxima Liga dos Campeões. Para isso, porém, será preciso vencer no Camp Nou e torcer para que Betis e Villarreal não vençam fora de casa Girona e Sevilla, respectivamente.

O Atlético de Madrid, que ficou mais longe do título ao ter empatado com o Real Madrid na semana passada, enfrentará o Levante, 17º colocado, como visitante no domingo. Inicia-se a contagem regressiva para o adeus ao ídolo Fernando Torres, que ao longo da semana anunciou que não continuará na equipe 'rojiblanca' para poder jogar mais vezes.

No Real Madrid, o time ainda recupera o fôlego depois de ter "flertado" com uma dura eliminação na 'Champions'. A Juventus fez 3 a 0 em pleno Santiago Bernabéu e ia levando a partida para a prorrogação, mas Cristiano Ronaldo salvou com um gol de pênalti.

Zinedine Zidane provavelmente poupará alguns titulares, mas, em relação à derrota para a Juve, terá o retorno do zagueiro Sergio Ramos, que cumpriu suspensão.



Programação da 32ª rodada do Campeonato Espanhol:.



Sexta-feira.

Girona - Betis.

Sábado.

Sevilla - Villarreal.

Barcelona - Valencia.

Las Palmas - Real Sociedad.

Leganés - Celta de Vigo.

Athletic Bilbao - Deportivo La Coruña.

Domingo.

Eibar - Alavés.

Atlético de Madrid - Levante.

Getafe - Espanyol.

Málaga - Real Madrid.

Mais Esporte