Topo

Esporte

Bird se aproveita de abandono de Rosenquvist e vence em Roma; Di Grassi é 2º

14/04/2018 14h58

Roma, 14 abr (EFE).- O britânico Sam Bird, da DS Virgin, venceu neste sábado o ePrix de Roma, após se beneficiar de problema mecânico do sueco Felix Rosenqvist, da Mahindra, entrando de vez na briga pelo título da Fórmula E, em prova que Lucas di Grassi, da Audi ABT, terminou em segundo.

O dono do carro número 2 cruzou a linha de chegada em primeiro, repetindo o que fez na primeira de duas etapas realizadas em Hong Kong. Com isso, Bird chegou aos 101 pontos, assumindo a vice-liderança, 18 pontos atrás do francês Jean-Éric Vergne, da Techeetah, que hoje chegou em quinto.

A vitória do britânico veio, principalmente, depois que, faltando 11 voltas para o fim, Rosenqvist, que havia largado na pole e vinha sobrando na ponta, atacou uma zebra e acabou um problema na roda traseira direita.

Lucas di Grassi, com uma metade final em alto rendimento, ultrapassou na reta final o neozelandês Mitch Evans, da Jaguar, que perdeu rendimento nas últimas voltas, chegando assim em segundo, posição que havia alcançado há quase um mês, em Punta del Este, no Uruguai.

O atual campeão da categoria chegou aos 39 pontos, subindo assim para a oitava colocação na tabela, depois de um início ruim na temporada. Nas quatro primeiras corridas, Di Grassi não conseguiu entrar na zona de pontuação.

Hoje, em Roma, a terceira colocação acabou com o alemão André Lotterer, da Techeetah, outro que se valeu dos problemas com o carro de Evans, que fechou a disputa na nona posição. Nelsinho Piquet, da Jaguar, após batida de um muro, acabou abandonando a prova.

Daqui duas semanas, o circo da Fórmula E desembarcará em Paris, na França, para a oitava de 12 provas da temporada.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte