Topo

Esporte

Lateral Beausejour briga em clássico chileno e admite deixar La U após jogo

Reprodução
Segundo imprensa chilena, Pinilla apressou companheiro, que reagiu e deu cabeçada no colega Imagem: Reprodução

Da EFE, em Santiago

16/04/2018 18h26

O lateral esquerdo Jean Beausejour se disse envergonhado por ter brigado com alguns companheiros de equipe e ter sido expulso no clássico contra o Colo-Colo neste domingo, que terminou com derrota por 3 a 1, e deixou aberta a possibilidade de deixar o Universidad do Chile.

Sempre destacado pela maturidade e pelo equilíbrio emocional, o jogador de 33 anos foi expulso aos 15 min do segundo tempo na partida disputada no Estádio Nacional, em Santiago.

Beausejour começou a caminhar lentamente para a beira do gramado, negando-se a sair. Quando o atacante Mauricio Pinilla, seu companheiro de equipe, pediu para que se apressasse, o lateral se voltou contra ele e o acertou com a cabeça.

Segundo parte da imprensa local, Pinilla teria dito: "Aperta o passo, negro. Você já cagou tudo, e temos que continuar". No entanto, os jornais destacaram que o vocativo "negro" não foi pejorativo ou racista.

Os dois atletas precisaram ser separados por colegas de Universidad do Chile, que foram empurrados por Beausejour. Isso rendeu vaias ao lateral, que deixou o estádio antes que o clássico terminasse.

"Às vezes, a paixão transborda, e a gente faz coisas que habitualmente não faz. Não é justificativa. Vi as imagens e me envergonho", declarou Beausejour em entrevista após o treino desta segunda-feira.

"Ninguém está alheio a que estas coisas aconteçam. Conversei com Mauricio (Pinilla). A gente se conhece desde os dez anos. Ele me deu a sua explicação, e eu, a minha. Esclarecemos o assunto e tudo ficou para trás", acrescentou o lateral, que deixou seu futuro em 'La U' nas mãos da diretoria.

"Aceito o descontentamento dos torcedores. Sempre colaborei em jogos como este, clássicos são muito importantes, e disse à diretoria que poderíamos revisar meu contrato. Não tenho problemas em sair a custo zero para o clube. Isso me causa uma dor gigante porque amo este clube, mas se for necessário, o farei", destacou.

Entretanto, ao menos até agora, Beausejour continua sendo jogador de 'La U', que está no grupo 5 da Taça Libertadores, o mesmo de Cruzeiro e Vasco. A equipe chilena enfrentará a equipe mineira na próxima quinta-feira, em Santiago.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte