Topo

Esporte

Palmeiras defende liderança do grupo contra o Boca em La Bombonera

24/04/2018 14h45

Buenos Aires, 24 abr (EFE).- Líder do grupo 8 da Taça Libertadores, o Palmeiras vai a La Bombonera enfrentar o Boca Juniors nesta quarta-feira com um único objetivo: sair com um resultado que mantenha a equipe na ponta da chave.

Depois do empate por 1 a 1 entre as duas equipes na última rodada, no Allianz Parque, o Verdão lidera o grupo com sete pontos, dois a mais do que o adversário de amanhã. No outro jogo da chave, na quinta-feira, o Junior Barranquilla, terceiro colocado com três pontos, recebe o Allianza Lima, lanterna, na Colômbia.

O Palmeiras chega motivado para a partida após vencer o Internacional, fora de casa, pelo Campeonato Brasileiro, por 1 a 0, jogo considerado como uma boa preparação para o desafio continental.

"Esse foi um bom teste para fazer uma grande partida na Argentina contra o Boca", afirmou o zagueiro Edu Dracena.

Para o jogo decisivo, o técnico Roger Machado deve manter o mesmo time que atuou no último fim de semana. O único desfalque é Guerra, que entrou bem no segundo tempo na primeira partida contra o Boca. Ele ficou no Brasil para se recuperar de uma inflação no quadril.

"Conseguimos um bom resultado e um desempenho entre regular e bom. Foi uma mostra do que vamos fazer na Argentina, vamos tentar garantir o resultado, mas será um jogo complicado", afirmou.

Assim como o Palmeiras, o Boca Juniors colocou força máxima no duelo pelo Campeonato Argentino durante o fim de semana e venceu o Newell's Old Boys, ficando bem perto do título do torneio.

A única ausência, que volta para o jogo decisivo na Libertadores, foi a do capitão do time, o volante Pablo Pérez.

Carlos Tévez, autor do gol que impediu a derrota do Boca no Allianz Parque já nos acréscimos, e o atacante Cristian Pavón foram substituídos pelo técnico Guillermo Barros Schelotto no segundo tempo por "cansaço". No entanto, ambos estão confirmados no jogo.

O lateral-esquerdo Frank Fabra, que sofreu com cãimbras no domingo, se recuperou e também será titular. Darío Benedetto, Edwin Cardona, Wilmar Barrios e Fernando Gago são baixas por lesão.



Prováveis escalações:.

Boca Juniors: Rossi; Jara, Vergini, Magallán e Fabra; Nández, Pérez e Reynoso; Tévez, Pavón e Ábila. Técnico: Guillermo Barros Schelotto.

Palmeiras: Jailson; Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena, Diogo Barbosa; Bruno Henrique, Felipe Melo, Keno, Lucas Lima e Dudu; Borja. Técnico: Roger Machado.

Árbitro: Roberto Tobar (Chile), auxiliado pelos compatriotas Claudio Ríos e José Retamal.

Estádio: La Bombonera (Buenos Aires), na Argentina.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte