Topo

Esporte

Tejeda alerta Costa Rica sobre qualidade da Suíça: "É preciso tomar cuidado"

21/05/2018 20h33

San José, 21 mai (EFE).- O volante costa-riquenho Yeltsin Tejeda afirmou nesta segunda-feira que será preciso tomar "muito cuidado" com a seleção da Suíça, rival da Costa Rica na fase de grupos da Copa do Mundo.

"A verdade é que estão em um nível muito alto, é uma seleção 'top'. Jogador por jogador, eles têm muita experiência e um campeonato muito competitivo. Acho que estão fazendo muito bem, então é preciso tomar muito cuidado", afirmou o jogador à imprensa antes do treino.

Tejeda, que fez parte da equipe que chegou às quartas de final torneio no Brasil em 2014, disse que fará o máximo para ajudar o grupo com a sua experiência e destacou que o técnico Óscar Ramírez "já analisou muito" o rival.

"A Suíça é uma seleção com a qual é preciso tomar muito cuidado. É importante estarmos comprometidos totalmente com o que o professor quer", analisou.

A Suíça será uma das rivais da Costa Rica no grupo E da Copa do Mundo, do qual também fazem parte Brasil e Sérvia.

A seleção costa-riquenha começou a treinar na terça-feira passada e pouco a pouco tem recebido jogadores que já cumpriram os compromissos com seus clubes. O último a ser integrado será o goleiro Keylor Navas, do Real Madrid, que enfrentará o Liverpoolç no próximo sábado pela final da Liga dos Campeões.

Antes de viajar para a Rússia, a seleção da Costa Rica jogará três amistosos: contra a Irlanda do Norte, no dia 3 de junho, em San José; contra a Inglaterra, em 7 de junho, em Leeds, e contra a Bélgica, em 11 de junho, em Bruxelas.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte