Topo

Esporte

Cristiano Ronaldo admite que 5º título da Champions seria histórico

22/05/2018 14h03

Madri, 22 mai (EFE).- O atacante português Cristiano Ronaldo admitiu nesta terça-feira que está ansioso para conquistar pela quinta vez na carreira a Liga dos Campeões, em duelo com o Liverpool, que será disputado neste sábado, no Estádio Olímpico de Kiev, na Ucrânia.

"Seria um momento histórico. Vejo o que está acontecendo nesta semana. Não temos consciência de que podemos conseguir três 'Champions' seguidas. E é melhor nem ter, assim ficamos focados na partida. Pessoalmente, confio, me sinto bem, sinto que meus companheiros estão bem. Se ganho a quinta, seria o máximo", disse o craque, em entrevista coletiva.

CR7, que já foi campeão do torneio continental três vezes pelo Real Madrid e mais uma com o Manchester United, não escondeu que tem um prazer maior ao disputá-lo.

"Eu adoro esta competição, me sinto motivado por ela. Quero estar bem no sábado, jogar bem e, se for possível, marcar gols. O importante é ganhar e entrar para a história", afirmou.

Cristiano ainda destacou que uma grande atuação contra o Liverpool fechará com chave de ouro a campanha nesta temporada, lembrando que foi bem em todas as partidas que jogou neste ano pela competição, destancando um momento máximo.

"Contra o Bayern de Munique, Paris Saint-Germain, Juventus. Para ganhar é preciso jogar com os melhores do mundo. Todos são especiais. Sempre acontece algo nesta competição e neste ano aconteceu contra a Juventus (o seu gol de bicicleta)", avaliou.

O atacante afirmou que o Real Madrid "não pode relaxar" contra o Liverpool, a equipe com o melhor ataque da competição, com 46 gols. O craque disse ainda que, mesmo que digam que o clube espanhol é favorito, a equipe não deve subestimar o poder do trio formado por Salah, Firmino e Mané.

"O Liverpool me lembra o Real Madrid de três anos atrás, com o trio ofensivo, que marcou muitos gols. Temos que respeitá-los. Mas acho que o Real Madrid é melhor, é preciso confiar", afirmou.

O português se recuperou do problema que teve no tornozelo direito no decorrer da temporada, já neste ano, e garantiu que chegará em ótimas condições para disputar a terceira final consecutiva da equipe espanhola na Liga dos Campeões.

"Em nível coletivo, podemos fazer história, e poderá ser um momento especial. Precisamos jogar bem, estarmos confiantes e fazer valer nossa experiência", concluiu.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte