Topo

Esporte

Argentina se despede da torcida em La Bombonera com amistoso contra o Haiti

28/05/2018 14h54

Buenos Aires, 28 mai (EFE).- A seleção da Argentina fará sua última apresentação diante de sua torcida antes de embarcar para a Copa do Mundo nesta terça-feira, quando enfrenta o Haiti, no Estádio La Bombonera, em Buenos Aires.

Este será o penúltimo amistoso de preparação antes da estreia na Rússia. Antes de entrar em campo pela primeira vez no Mundial, a equipe de Messi encara Israel, no próximo dia 9, em Jerusalém.

O técnico Jorge Sampaoli, que já tinha definido os 23 jogadores que levaria para o Mundial, precisou fazer uma mudança, após a lesão do goleiro Sergio Romero, titular na meta da 'Albiceleste' nas últimas duas Copas, na semana passada.

Com a ausência dele, três jogadores disputam a titularidade da seleção: Wilfredo Caballero, do Chelsea; Franco Armani, do River Plate; e Nahuel Guzmán, do Tigres. Para o amistoso contra o Haiti, Caballero deve ser o escolhido.

O técnico tem outra preocupação para o jogo: o zagueiro Nicolás Otamendi sentiu dores na virilha e ainda é dúvida para a partida. No entanto, o lateral esquerdo Marcos Acuña, que machucou o joelho durante o treino aberto de domingo, já está bem e ficará no banco de reservas. O volante Lucas Biglia e o atacante Sergio Agüero, que ainda se recuperavam de lesões, também estarão à disposição.

Durante a coletiva pré-amistoso, o capitão Messi falou sobre o papel da Argentina na Copa do Mundo deste ano.

"Tenho muita fé neste grupo, mas as pessoas devem saber que não vamos para a Copa como favoritos", afirmou.

Para o Haiti, que ocupa o 108° lugar no ranking da Fifa, o amistoso servirá para ganhar experiência.

O técnico francês Marc Collat já tem definida a escalação para a partida, e os jogadores comemoram a oportunidade de poder enfrentar os argentinos no estádio do Boca Juniors.

"Sabemos que estão preparando algo grande e para nós será uma linda experiência jogar na Bombonera, com toda essa gente", afirmou o zagueiro Fabien Vorbe.



Prováveis escalações:

Argentina: Caballero; Ansaldi, Otamendi (Mercado), Fazio Tagliafico; Mascherano e Lo Celso; Lanzini, Messi e Di María; Higuaín. Técnico: Jorge Sampaoli.

Haiti: Duverger; Carlens, Adé, Christian Junior e Vorbe; Alceus e Herivaux; Saba, Cantave e Sprangers; Nazon. Técnico: Marc Collat.

Árbitros: Arnaldo Samaniego (Paraguai), auxiliado pelos compatriotas Darío Gaona e Rodney Aquino.

Estádio: La Bombonera, em Buenos Aires (Argentina).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte