Topo

Esporte

Zidane deixa o Real Madrid menos de uma semana após 3º título na Champions

31/05/2018 09h31

Madri, 31 mai (EFE).- O técnico francês Zinedine Zidane anunciou nesta quinta-feira, em entrevista coletiva, que está deixando o Real Madrid, menos de uma semana depois da conquista do terceiro título consecutivo na Liga dos Campeões.

O comandante, que assumiu o clube em 4 de janeiro de 2016, após a demissão do espanhol Rafa Benítez, concedeu entrevista ao lado do presidente dos 'Merengues', Florentino Pérez. A convocação do encontro com jornalistas trouxe expectativa, já que se esperava o adeus ou a divulgação da permanência por mais um ano, ao menos.

De acordo com o dirigente, o treinador o comunicou da decisão, que classificou como "inesperada", ontem. O mandatário do time de Madri admitiu que a posição do funcionário era definitiva e que não pôde revertê-la.

Zidane deixa o Real com a conquista das três últimas edições da 'Champions', dos Campeonatos Mundial de Clubes de 2016 e 2017, além de um Campeonato Espanhol, duas Supercopas Europeias e uma Supercopa da Espanha. Ao todo, em 13 competições divulgadas, o francês levou a equipe ao topo do pódio em nove.

No sábado passado, o clube madrilenho passou pelo Liverpool por 3 a 1, no Estádio Olímpico de Kiev, na Ucrânia, na decisão do principal torneio do Velho Continente. Com a vitória, o clube chegou a 13 títulos no torneio, uma delas, na época que 'Zizou' era jogador.

Curiosamente, na terça-feira, o Real Madrid anunciou os uniformes para a próxima temporada, que farão homenagem ao utilizado na temporada 2001-2002, que terminou com título na Liga dos Campeões, justamente, graças a golaço do francês, na vitória sobre o Bayer Leverkusen, da Alemanha, por 2 a 1.

Sob o comando do ex-jogador, o time de Madri alcançou a maior sequência invicta de sua história, ficando 40 jogos sem perder, entre abril de 2016 e janeiro de 2017, em todas as competições que participou no período.

Na temporada atual, o Real atingiu a marca de 16 vitórias consecutivas no Campeonato Espanhol, igualando marca estabelecida em 2010-2011, pelo Barcelona, que era dirigido na época pelo espanhol Josep Guardiola.

Em finais, o Real sempre saiu campeão durante a passagem de Zidane como treinador. Ao todo, foram oito êxitos, com direito a média de 2,55 gols por jogo, nas partidas de disputa de título.

Durante todo o período em que comandou os 'Merengues', o francês venceu 104 dos 149 jogos em que trabalhou, o que representa 69,79% de êxito. Além disso, empatou 29 vezes e perdeu apenas 16.

O último triunfo foi alcançado no dia 26 de maio no Estádio Olímpico de Kiev, na Ucrânia, onde o Real Madrid conquistou a Champions pela terceira vez consecutiva, a 13ª da história do clube ao vencer o Liverpool, da Inglaterra, por 3 a 1.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte