Topo

Esporte

Técnico da Croácia expulsa atacante que se negou a jogar, segundo jornal

18/06/2018 07h12

Zagreb, 18 jun (EFE).- A boa estreia da Croácia na Copa do Mundo na Rússia, com uma vitória por 2 a 0 sobre a Nigéria, foi ofuscada nesta segunda-feira após o atacante Nikola Kalinic ter sido expulso da seleção pelo técnico por supostamente ter se negado a jogar, de acordo com o jornal croata "Sportske novosti".

Com base em informações de fontes anônimas, a publicação afirma que o técnico croata, Zlatko Dalic, expulsou Kalinic do grupo por considerar que o jogador violou a disciplina e as regras de comportamento.

Segundo o jornal, o atacante do Milan rejeitou ir a campo contra a Nigéria quando restavam cinco minutos para o apito final e a seleção croata já vencia por 2 a 0. Questionado se o jogador se negou a jogar, Dalic se mostrou indiferente e anunciou que nesta tarde explicará tudo em entrevista coletiva.

"Sportske novosti" explica que, no fim do jogo, Dalic pretendia mandar Kalinic a campo como substituto de Mario Mandzukic, que estava esgotado. O atacante se negou, alegando dores nas costas, a mesma justificativa que, segundo a fonte, já havia usado no amistoso contra o Brasil, quando também não quis substituir Mandzukic.

A Croácia enfrentará a Argentina na próxima quinta-feira, em Nizhny Novgorod, pela segunda rodada do grupo D. No dia seguinte, a Nigéria enfrentará a Islândia em Volgogrado.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte