Topo

Esporte

Após ser zebra na estreia, México quer evitar surpresa contra Coreia do Sul

22/06/2018 12h07

Moscou, 22 jun (EFE).- Após protagonizar a principal surpresa da primeira rodada da Copa do Mundo ao vencer a atual campeã Alemanha, o México entrará em campo neste sábado, em Rostov-no-Don, para buscar a vitória contra a Coreia do Sul na história e ficar em boas condições para garantir vaga nas oitavas de final.

Agora favorito, o time de Juan Carlos Osório quer evitar ser surpreendido e desperdiçar a vantagem obtida por vencer a melhor seleção do grupo F e dar chances para a própria Alemanha se aproximar da classificação.

O triunfo sobre os alemães não foi fruto de um lance eventual, mas de um bom trabalho da equipe norte-americana, que teve boas oportunidades de gol contra os atuais campeões do mundo e foram eficientes defensivamente.

O desafio será evitar a variação de rendimento que marca recentemente os times de Osorio, como bem sabem o torcedor do São Paulo e os próprios mexicanos. O primeiro passo é aposentar o característico rodízio de jogadores, comportamento que o técnico deve deixar lado diante da importância do torneio.

Os 11 titulares da boa vitória provavelmente iniciarão o confronto com os sul-coreanos, incluindo Hirving Lozano, o herói da estreia mexicana no Mundial com o gol.

A Coreia do Sul, por outro lado, quer evitar uma eliminação precoce e sabe que até um empate pode deixar a seleção em situação complicada. A derrota para a Suécia na rodada de abertura veio de pênalti, só que ainda assim a equipe asiática não mostrou poder de reação e pouco ameaçou os adversários, deixando a torcida preocupada.

Principal astro do time, Son Heung-min esteve desaparecido em campo, não mostrando o bom futebol que ajudou a levar o Tottenham ao terceiro lugar do Campeonato Inglês.

Como o 4-3-3 não surtiu efeito, o técnico Shin Tae-yong deve buscar alternativas, principalmente para melhorar o último passe até a finalização, para levar mais perigo ao gol mexicano. Porém, as mudanças devem ser mais de postura dentro de campo do que efetivamente uma troca de jogadores.

Este será o segundo confronto entre as duas seleções em Copas do Mundo. Em 1998, na França, o México ganhou dos asiáticos por 3 a 1, de virada, com gols de Ricardo Peláez e Luis Hernández, que fez dois, com Ha Seok-ju marcando o de honra para os coreanos.



Prováveis escalações:.

México: Ochoa; Salcedo, Ayala, Moreno e Gallardo; Herrera, Guardado, Vela, Layún e Lozano; 'Chicharito' Hernández. Técnico: Juan Carlos Osorio.

Coreia do Sul: Choo Hyun-Woo; Lee Yong, Jang Hyun-Soo, Kim Yiung-Gwon, Park Joo-Hoo; Lee Jae-sung, Ki Sung-yueng, Koo Ja-cheol; Hwang Hee-Chan, Kim Shim-Wook e Son Heung-min. Técnico: Shin Tae-yong.

Árbitro: Milorad Mazic (Sérvia), auxiliado pelos compatriotas Milovan Ristic e Dalibor Djurdjevic.

Estádio: Rostov Arena, em Rostov-no-Don.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte