Topo

Esporte

Berdych desiste de Wimbledon e deve deixar top 50 após 13 anos

24/06/2018 11h26

Redação central, 24 jun (EFE).- O tcheco Tomas Berdych anunciou neste domingo que não vai disputar Wimbledon, por dores na costas, o que provavelmente deixará o tenista fora da lista dos 50 melhores do mundo pela primeira vez desde 2005.

Número 19 do ranking da ATP, Berdych não poderá defender os 720 pontos por ter atingido a semifinal do Grand Slam britânico no ano passado e terá uma queda vertiginosa na classificação.

"Sofri com dores nas costas durante vários meses. Tentei todos os tratamentos e soluções médicas possíveis para seguir jogando. Infelizmente, não estou melhorando e as minhas tentativas de jogar a temporada na grama fracassaram", lamentou o tcheco, que foi finalista em Londres no ano de 2010.

Aos 32 anos, o ex-número 4 do mundo não venceu nenhuma partida nos últimos torneios no saibro e só superou o francês Benoit Paire no ATP 250 de Stuttgart, semana passada, sendo derrotado na sequência pelo canadense Milos Raonic e pelo também francês Julien Benneteau, este último na estreia do ATP 500 de Queen's, durante as competições sobre a grama. EFE.

Mais Esporte