Topo

Esporte

FIFA multa Polônia e abre procedimento disciplinar contra Argentina e Croácia

24/06/2018 06h03

Moscou, 24 jun (EFE).- O Comitê de Disciplina da FIFA decidiu impor uma multa de 10.000 francos suíços e uma advertência à Federação Polonesa de Futebol pela exibição de um cartaz político e ofensivo por parte dos seus torcedores na partido contra Senegal, disputada no dia 19 no estádio Spartak de Moscou.

A entidade, ao mesmo tempo, abriu um procedimento disciplinar contra a Associação de Futebol Argentino (AFA) e a da Croácia por incidentes nos quais torcedores de ambas as equipes estiveram envolvidas na partida entre as seleções dos países na quinta-feira em Nizhny Novgorod.

Também decidiu abrir um procedimento disciplinar contra os jogadores suíços Granit Xhaka e Xherdan Shaqiri pela comemoração dos gols no jogo contra a Suíça.

Ambos os jogadores, autores dos dois gols da Suíça contra a Sérvia e de origem albano-kosovar, festejaram os gols com as mãos cruzadas, como símbolo da águia de duas cabeças, símbolo da bandeira da Albânia. O regulamento da FIFA penaliza os jogadores que realizem gestos com conotações políticas nas comemorações.

Vários jogadores da seleção da Suíça vêm de países dos Balcãs. Xhaka é filho de um preso político da antiga Iugoslávia que ficou vários anos detido e que emigraram para a Suíça, onde nasceu.

Shaqiri nasceu no Kosovo, que deixou junto com seus pais quando começou a guerra dos Balcãs para viver na Suíça.

Além disso, a FIFA abriu outros procedimentos disciplinares à Associação de Futebol da Sérvia pelos distúrbios que aconteceram entre o público e a exibição de mensagens políticas e ofensivas por parte dos seus torcedores.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte