Topo

Esporte

Dalic diz que Croácia quer vencer Islândia e não pensa em futuros confrontos

25/06/2018 18h32

Moscou, 25 jun (EFE).- O técnico Zlatko Dalic afirmou nesta segunda-feira que a Croácia vai entrar em campo contra a Islândia, amanhã, com o objetivo de vencer para manter a liderança do grupo D, apesar de já ter garantido a vaga nas oitavas de final ao levar a melhor sobre a Argentina por 3 a 0, na última quinta-feira.

Ao ser questionado se poderia poupar a equipe e "ajudar" a Islândia na briga pela segunda vaga do grupo, Dalic deixou claro que essa ideia não passa pela sua cabeça.

"Estamos nos preocupando somente com nossos problemas. Essa é a seleção nacional da Croácia, são todos jogadores de qualidade e vamos jogar com a mesma qualidade que entramos contra Nigéria e Argentina. Vamos buscar o resultado", disse.

A Croácia está no primeiro lugar do grupo, com seis pontos, seguida pela Nigéria, com três. A Islândia é a terceira e a Argentina a quarta, as duas com um ponto, mas os argentinos com um saldo de gols menor.

O técnico croata disse que não quer se envolver nas situações das outras equipes, que ainda disputam uma vaga na próxima fase.

"Nós nos importamos com o nosso próprio negócio. O que outros estão comentando é o negócio deles. Se a Croácia estivesse em outra situação, ninguém teria se importado. Então vamos fazer exatamente isso: cuidar do que é nosso", acrescentou.

O bom momento da seleção croata tem provocado comparações da imprensa com a equipe que disputou a Copa de 1998, na França, quando a Croácia chegou às semifinais.

"É difícil comparar as duas gerações porque o jeito de jogar é diferente. É verdade que agora temos jogadores com um grande potencial. Alguns jogam no Real Madrid, no Barcelona ou na Juventus, mas isso não quer dizer nada. A geração de 1998 fez um grande trabalho e permanece na memória. Queremos que essa geração faça história também, mas temos que ir passo a passo. Não é fácil repetir esse resultado", concluiu.

Mais Esporte