Topo

Esporte

Deschamps poupará titulares, mas diz que quer a vitória contra a Dinamarca

25/06/2018 12h12

Moscou, 25 jun (EFE).- O técnico Didier Deschamps admitiu nesta segunda-feira que preservará alguns titulares da seleção francesa do duelo com a Dinamarca, pela última rodada do grupo C da Copa do Mundo, embora tenha garantido que o objetivo dos 'Bleus' na partida é a liderança da chave, o que acontecerá em caso de empate.

"Nosso objetivo é garantir o primeiro lugar. Há dois resultados que nos possibilitariam isso, mas eu nunca diria a minha equipe que não entre em campo para ganhar. Acredito que a Dinamarca também vai em busca da vitória. Quero que minha seleção entre em capo determinada e dê o máximo para ganhar a partida", afirmou.

O treinador francês, no entanto, explicou que a ideia é poupar poupar fisicamente alguns jogadores para a partida desta terça-feira, no Estádio Luzhniki, em Moscou.

"Não se pode jogar todos os dias com a mesma equipe. Somos 23 e todos têm como contribuir. Analisamos alguns dados, questões físicas e médicas, cartões, e tomamos as decisões. A equipe que jogar será competitiva e poderá vencer a partida. É a última oportunidade que tenho para preservar alguns e colocar em campo outros que jogaram menos", explicou.

Deschamps disse ainda que não está pensando no possível adversário que enfrentaria nas oitavas de final. Se fechar a primeira fase como líder, a França tem chances de pegar a Argentina no próximo jogo, se a equipe de Jorge Sampaoli conseguir a classificação. Para o comandante 'bleu', o desafio na fase eliminatória será difícil, independente do oponente.

"O que estamos vendo neste Mundial é que todas as equipes estão bem preparadas fisicamente. Não lembro, nem quando era jogador, de um nível de dificuldade tão elevado como o que estou vendo nesta Copa do Mundo. Se a equipe teoricamente mais forte não marca, o tempo corre a favor do que defende e complica a partida", disse.

França e Dinamarca se enfrentarão nesta terça-feira, às 11h (horário de Brasília), no Estádio Luzhniki, em Moscou, enquanto Austrália e Peru farão o segundo jogo do grupo C, no mesmo horário, no Estádio Olímpico Fisht, em Sochi.

As partidas que definirão os classificados do grupo D e adversários nas oitavas serão às 15h (horário de Brasília). Nigéria e Argentina jogarão no Estádio Krestovsky, em São Petersburgo; e Islândia e Croácia duelam na Rostov Arena, em Roston-no-Don.

Mais Esporte