Topo

Esporte

Alemanha tenta quebrar maldição enfrentando Coreia do Sul, que espera milagre

26/06/2018 09h49

Kazan, 26 jun (EFE).- Aliviada após ter evitado uma queda precoce ao ter vencido a Suécia de virada no último sábado, a Alemanha tenta agora confirmar a classificação para as oitavas de final da Copa do Mundo nesta quarta-feira, na Kazan Arena, em jogo contra a Coreia do Sul, que ainda busca um milagre para continuar na competição.

A atual campeã teria sido eliminada por antecipação em caso de derrota para os suecos e ficaria em situação complicada se tivesse empatado, mas obteve o triunfo com um gol do meia Toni Kroos aos 49 minutos do segundo tempo e assumiu a segunda posição do grupo F, com três pontos, superando a equipe escandinava nos critérios de desempate.

O México é líder, com seis pontos, mas também não tem a vaga garantida, enquanto o representante da Ásia ainda não pontuou, mas ainda alimenta alguma esperança.

Dessa forma, para não depender do resultado do duelo entre mexicanos e suecos, em Ecaterimburgo, a Alemanha precisa de um triunfo por dois gols. Já a Coreia precisa bater a 'Maanschaft' e torcer contra a Suécia.

A Alemanha, que não é eliminada na primeira fase desde 1938, luta contra uma escrita. Desde a Copa de 1998, só o Brasil entrou para defender o título e não deixou a competição ainda nos grupos. Isso aconteceu com a França, em 2002, a Itália, em 2010 e a Espanha, em 2014.

Na tentativa de espantar qualquer fantasma, o técnico Joachim Löw não poderá contar com o zagueiro Boateng, expulso no fim de semana. Por outro lado, recuperado de um problema no pescoço, Hummels voltará à retaguarda e formará dupla com Süle ou Rüdiger.

No meio-campo, embora não tenha agradado na estreia, na derrota como o México, Khedira poderá recuperar a posição, já que Rudy, seu substituto, fraturou o nariz. Ainda no setor, Özil e Draxler disputam a condição de principal articulador da equipe.

Se depender do retrospecto em Copas, a Alemanha está bem perto das oitavas, já que levou a melhor nas duas vezes em que encarou a Coreia do Sul, ainda na fase de grupos de 1994 e nas semifinais em 2002, quando os asiáticos jogavam em casa.

Os pupilos de Shin Tae-yong terão uma baixa importante na tentativa de quebrar a escrita. O meia Ki Sung-yueng, capitão do time e integrante do atual elenco que mais defendeu a seleção, 104 vezes, sofreu uma lesão na panturrilha e não terá condições de jogo. Além disso, o lateral-esquerdo Park Joo-ho machucou a coxa ainda na estreia, contra a Suécia, e também é desfalque.



Prováveis escalações:.

Coreia do Sul: Choo Hyun-woo; Lee Yong, Jang Hyun-soo, Kim Yiung-gwon, Park Joo-hoo; Koo Ja-cheol, Lee jae-sung, Jung Woo-young; Kim Shin-wook, Hwang Hee-chan e São Heung-min.

Alemanha: Manuel Neuer; Joshua Kimmich, Antonio Rudiger ou Niklas Süle, Mats Hummels, Jonas Hector; Toni Kroos, Sami Khedira; Thomas Müller, Julian Draxler ou Mesut Özil, Marco Reus; e Timo Werner.

Árbitro: Mark Geiger (USA)

Estádio: Kazan Arena (Kazan)

Hora: 17:00 hora local (16.00 CET/14:00 GMT).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte