Topo

Esporte

Guerrero lamenta não ter chegado à Copa em sua melhor forma

26/06/2018 16h06

Sochi (Rússia), 26 jun (EFE).- Autor de um gol e de uma assistência na vitória do Peru sobre a Austrália por 2 a 0 nesta terça-feira, o atacante Paolo Guerrero lamentou não ter chegado à Copa do Mundo melhor preparado, já que cumpriu suspensão por doping e ficou fora de muitas partidas tanto pelo Flamengo como por sua seleção.

"Enquanto quase todos os jogadores chegaram com uma sequência de 60 partidas, pelos compromissos dos clubes, eu apenas joguei dois", afirmou.

Apesar da falta de ritmo de jogo, Guerrero, de 34 anos, voltou a declarar que não pensa em deixar a seleção peruana e pensa em disputar mais uma Copa. "Ainda há muita coisa a fazer", disse.

Guerrero também ressaltou que, após a eliminação no Mundial da Rússia, o próximo desafio do Peru será a Copa América de 2019, no Brasil.

"No ano que vem, teremos um novo desafio na Copa América, no Brasil. Vamos mostrar que o Peru pode enfrentar qualquer um de igual para igual", frisou.

Mais Esporte