Topo

Esporte

Mina diz que Colômbia precisa ter "pés no chão" contra Senagal

26/06/2018 10h26

Kazan (Rússia), 26 jun (EFE).- O zagueiro Yerry Mina disse nesta terça-feira que os jogadores da seleção colombiana estão cientes de que devem dar "tudo" na partida contra Senegal, na próxima quinta-feira, pela terceira rodada do Grupo H da Copa do Mundo, e devem encarar o confronto "com os pés no chão".

"Sabemos que é um jogo muito difícil; daremos tudo e vamos tentar desde o primeiro minuto", disse Mina, autor de um dos gols da vitória da Colômbia por 3 a 0 sobre a Polônia no último domingo.

"Devemos manter sempre a alegria. A seleção da Colômbia é uma grande família, que se caracteriza por ser muito alegre, e demonstramos isso dentro do campo. Às vezes pode não ser assim, quando você perde um jogo ou está chateado, mas os companheiros te ajudam. Agora é preciso encarar o duelo contra Senegal com os pés no chão", afirmou.

O zagueiro do Barcelona reiterou o clima de "família" que há na equipe e ressaltou o equilíbrio da Copa do Mundo.

"Qualquer um pode ganhar; estamos em um Mundial, onde todas as seleções são fortes", declarou Mina, que agradeceu ao povo colombiano por seu apoio antes, durante e depois do jogo contra a Polônia.

"É muito emocionante quando nossa torcida nos acompanha. Nós sentimos esse apoio dentro do campo e sabemos que é importante. Sentimos que, independentemente do que aconteceu na primeira rodada, eles estiveram conosco e nos apoiaram incondicionalmente. Agora estamos todos muito unidos".

Perguntado sobre a condição física dos seus companheiros Abel Aguilar e David Ospina, que terminaram o jogo contra a Polônia lesionados, Mina afirmou que "graças a Deus estão bem", mas ainda é preciso esperar o parecer do departamento médico.

"Falei com David e 'Abelucho' e estão bem, graças a Deus. Felizmente podemos tê-los conosco, mas ainda estamos esperando o que vão dizer os médicos", disse o zagueiro.

Mais Esporte