Topo

Esporte

Contratado há nove dias, Mihajlovic é demitido pelo Sporting

Marco Vasini / AP
Sinisa Mihajlovic foi técnico do Milan em 2015 Imagem: Marco Vasini / AP

27/06/2018 17h05

Com uma direção interina desde a cassação do presidente Bruno de Carvalho no fim de semana, o Sporting decidiu nesta quarta-feira demitir o técnico sérvio Sinisa Mihajlovic, contratado há apenas nove dias.

O presidente interino do clube, José de Sousa Cintra, confirmou a saída de Mihajlovic e justificou a decisão porque o novo técnico queria trocar o local de treinamento da equipe, o que representaria um custo de 300 mil euros para os cofres do Sporting.

Além disso, Sousa Cintra alegou que Mihajlovic estava em "período experimental" de 15 dias, o que permite a rescisão do contrato.

O sérvio, de 49 anos, foi contratado no último dia 18 de junho como substituto do português Jorge Jesus. O técnico, que tem passagens por Milan, Fiorentina, Sampdoria, entre outros, foi demitido em janeiro de 2018 pelo Torino.

O Sporting está imerso em uma grande crise que não só levou à cassação de Bruno Carvalho e à saída de Jorge Jesus, mas também à rescisão unilateral do contrato de nove jogadores, entre eles o goleiro da seleção portuguesa, Rui Patrício, e o artilheiro do time, o holandês Bas Dost.

As rescisões ocorreram depois de incidentes ocorridos no último dia 15 de maio, quando cerca de 50 torcedores invadiram o centro de treinamento do clube e agrediram vários jogadores e membros da comissão técnica do Sporting.

Mais Esporte