Topo

Esporte

Após classificação, Caballero lamenta ameaças e diz que seu erro é passado

28/06/2018 07h38

Moscou, 28 jun (EFE).- Após a classificação heroica da Argentina para as oitavas de final da Copa do Mundo, o goleiro Willy Caballero lamentou nesta quinta-feira as ameaças e xingamentos que ele e a família sofreram após o erro na derrota para a Croácia, que custou a titularidade ao jogador, e disse que o fatídico lance já ficou no passado.

O goleiro do Chelsea assumiu em seu perfil no Instagram o "equívoco futebolístico", mas ressaltou que isso não é justificativa para o que seus familiares passaram neste período.

"Agora mais tranquilo. Depois do resultado positivo e da classificação, o meu erro vira passado. Existem muitas de coisas que aceito, porque foi um equívoco futebolístico. Mas recebi muitas faltas de respeito, maus desejos e ameaças para mim e a minha família. Essas atitudes feias não me ajudaram", reclamou o goleiro argentino.

Na derrota para os croatas por 3 a 0, há uma semana, ainda pela segunda rodada do grupo D, Caballero recebeu um recuo e tentou fazer um passe por elevação, mas pegou mal na bola e deu um presente a Rebic, que abriu o placar para a equipe dos Bálcãs.

Apesar do erro do arqueiro de 36 anos e o revés em Nizhny Novgorod, a bicampeã mundial se classificou por ter vencido a Nigéria por 2 a 1 na última terça, em São Petersburgo, e pegará a França no próximo sábado, em Kazan.

"Agradeço a todos os que estiveram comigo, os próximos e os distantes, os que se atreveram a me escrever e a todos os que me apoiaram de uma ou outra maneira. Mais uma vez, aceito o meu erro, mas nunca tive o desejo que a minha família passasse dias tão desagradáveis", completou o camisa 23 argentino.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte