Topo

Esporte

Sem entrar em campo, Kane termina 1ª fase como artilheiro isolado da Copa

28/06/2018 19h17

Moscou, 28 jun (EFE).- O atacante Harry Kane, poupado nesta quinta-feira na derrota da Inglaterra para a Bélgica por 1 a 0, em "final" pela liderança do grupo G, terminou a primeira fase da Copa do Mundo como artilheiro isolado, com cinco gols.

O jogador do Tottenham balançou a rede duas vezes, na estreia na competição, em vitória sobre a Tunísia por 2 a 1, e mais três, na goleada sobre o Panamá por 6 a 1. Hoje, o camisa 9 ficou no banco, ao longo dos 90 minutos da partida disputada no estádio Kaliningrado, por opção do técnico Gareth Southgate.

Kane, assim, fica na frente um gol a frente do atacante belga Romelu Lukaku, que também não entrou em campo no duelo pelo grupo G, e do atacante português Cristiano Ronaldo, que atuou nas três partidas que a seleção lusa disputou.

O destaque de hoje entre os artilheiros foi o zagueiro colombiano Yerry Mina, ex-Palmeiras, que marcou pela segunda vez na Copa, na vitória dos 'Cafeteros' sobre o Senegal por 1 a 0, que valeu classificação no grupo H, de quebra, a liderança da chave.

O defensor, que atua no Barcelona, assumiu assim a artilharia da seleção sul-americana, que pegará a Inglaterra nas oitavas de final. Mina já havia marcado na segunda partida dos colombianos, em êxito sobre a Polônia por 3 a 0.

O meia-atacante Adnan Januzaj, por sua vez, entrou com muito estilo na tabela de artilheiros, ao balançar a rede na vitória da Bélgica sobre a Inglaterra por 1 a 0. O jogador da Real Sociedad acertou belo chute de perna esquerda.



Confira a artilharia da Copa do Mundo.



- Com 5 gols: Harry Kane (Inglaterra).

- Com 4 gols: Romelu Lukaku (Bélgica); e Cristiano Ronaldo (Portugal).

- Com 3 gols: Diego Costa (Espanha); e Denis Cheryshev (Rússia).

- Com 2 gols: Mile Jedinak (Austrália); Eden Hazard (Bélgica); Philippe Coutinho (Brasil); Yerry Mina (Colômbia); Son Heung-Min (Coreia do Sul); Luka Modric (Croácia); Mohammed Salah (Egito); John Stones (Inglaterra); Ahmed Musa (Nigéria); Artem Dzyuba (Rússia); Andreas Granqvist (Suécia); Wahbi Khazri (Tunísia); e Luis Suárez (Uruguai).

- Com 1 gol: Marco Reus, Toni Kroos (Alemanha); Salman Al Faraj, Salem Ael Dawsari (Arábia Saudita); Sergio Agüero, Leo Messi, Marcos Rojo (Argentina); Dries Mertens, Michy Batshuayi, Adnan Januzaj (Bélgica); Neymar, Paulinho, Thiago Silva (Brasil); Juan Fernando Quintero, Radamel Falcao e Juan Guillermo Cuadrado (Colômbia); Kim Young-Gwon (Coreia do Sul); Kendall Watson (Costa Rica); Ante Rebic, Ivan Rakitic, Milan Badelj, Ivan Perisic (Croácia); Yussuf Poulsen, Christian Eriksen (Dinamarca); Nacho, Isco, Iago Aspas (Espanha); Antoine Griezmann e Kylian Mbappé (França); Jesse Lingard (Inglaterra); Karim Ansarifard (Irã); Alfred Finnbogason, Gylfi Sigurdsson (Islândia); Shinji Kagawa, Yuya Osako, Takashi Inui, Keisuke Honda (Japão); Khalid Boutaib, Youssef En-Nesyri (Marrocos); Hirving Lozano, Carlos Vela, Chicharito Hernández (México); Victor Moses (Nigéria); Felipe Baloy (Panamá); André Carrillo, Paolo Guerrero (Peru); Grzegorz Krychowiak, Khan Bednarek (Polônia); Ricardo Quaresma (Portugal); Yury Gazinsky e Aleksandr Golovin (Rússia); Mbaye Niang, Sadio Mané, Moussa Wagué (Senegal); Aleksandar Kolarov, Aleksandar Mitrovic (Sérvia); Ola Toivonen, Ludwig Augustinsson (Suécia); Steven Zuber, Granit Xhaka, Xherdan Shaqiri, Blerim Dzemaili, Josip Drmic (Suíça); Ferjani Sassi, Dylan Bronn, Wahbi Khazri, Fakhreddine Ben Youssef (Tunísia); José María Giménez e Edinson Cavani (Uruguai).



Gols contra:

- Um gol: Aziz Bouhaddouz (Marrocos, contra o Irã), Aziz Behich (Austrália, contra a França), Oghenekaro Etebo (Nigéria, contra a Croácia), Thiago Cionek (Polônia, contra o Senegal), Ahmed Fathi (Egito, contra a Rússia), Denis Cheryshev (Rússia, contra o Uruguai), Yann Sommer (Suíça, contra a Costa Rica), Yassine Meriah (Tunísia, contra o Panamá).

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte