Topo

Esporte

Yerry Mina diz ter vivido momentos difíceis por não jogar no Barcelona

Yuri Cortez/AFP
Yerry Mina em ação pela seleção da Colômbia na Copa do Mundo Imagem: Yuri Cortez/AFP

12/07/2018 16h27

O zagueiro colombiano Yerry Mina, do Barcelona, afirmou nesta quinta-feira que viveu momentos de muita tristeza nesta temporada por não ter tido oportunidades de jogar pelo clube e não ser relacionado pelo técnico Ernesto Valverde.

"Quando eu não ia nem para o banco, não era nem opção, começava a treinar só em casa. É difícil ver os companheiros pela televisão. Foi um momento complicado que não desejo a nenhum jogador", disse Mina, ex-Palmeiras, em entrevista coletiva em Bogotá.

Na primeira temporada com a camisa do clube catalão, o zagueiro só jogou seis jogos nos seis primeiros meses em Barcelona.

"Houve momentos muito difíceis que foram de muita tristeza para mim porque me senti muito mal. Foram momentos que eu acreditava que tudo ia ocorrer como eu pensava, mas não foi assim, inclusive senti por momentos que tudo viria abaixo, senti que não conseguia fazer nada, nem dar um passe, nem treinar", afirmou o defensor.

Os efeitos se repetiram na Rússia, quando Mina não foi titular no jogo de estreia da Colômbia contra o Japão no Mundial.

"Estava nervoso na primeira partida porque não tinha jogado nada, absolutamente nada, nenhum minuto. Quando eu jogava no Palmeiras, era considerado o melhor zagueiro da equipe", revelou.

"Mas Deus me deu a oportunidade de continuar e mostrar o que eu posso fazer", continuou Mina, principal destaque da Colômbia na Copa ao marcar três gols no torneio.

O zagueiro também falou sobre o futuro e afirmou que quer estar em uma equipe na qual possa jogar. No entanto, disse que realizou um sonho ao ser contratado pelo Barcelona e que aproveitará as férias para tomar uma decisão adequada para sua carreira.

"Sempre vou tentar fazer o melhor possível para mim, para minha equipe, seja no Barcelona ou se decidir partir. Mas, por enquanto, estou feliz no Barcelona", disse Mina.

O colombiano também comentou a contratação do zagueiro francês Clément Lenglet, do Sevilla, e disse que o novo companheiro chega ao clube porque tem muita qualidade.

"Pelo que vimos dele, é um jogador de equipe grande. Quero aprender com ele e desejá-lo toda a sorte do mundo", afirmou.

Mais Esporte