Topo

Basquete

Mavericks empurram Rockets para vice-lanterna; Trail Blazers batem Magic

Michael Wyke/AP
Luka Doncic foi destaque na vitória sobre o Houston Rockets Imagem: Michael Wyke/AP

29/11/2018 07h46

Mesmo jogando em casa e com mais uma atuação inspirada de James Harden, que terminou a partida com um triplo-duplo, o Houston Rockets foi derrotado nesta quarta-feira pelo Dallas Mavericks por 128 a 108 e agora amarga a penúltima posição da Conferência Oeste.

Leia também:

Com 25 pontos, 17 assistências e 11 rebotes, Harden conseguiu seu primeiro triplo-duplo da temporada e o 36º como profissional, mas sua atuação foi ofuscada por uma dupla afinada no outro lado da quadra.

O grande trabalho na direção do ataque do armador porto-riquenho José Juan Barea e a inspiração e pontaria do ala novato esloveno Luka Doncic foram fundamentais para o Mavericks chegar à sua décima vitória na temporada.

Barea saiu do banco e deixou a quadra com um duplo-duplo de 13 pontos e 12 assistências, enquanto Doncic foi o cestinha da equipe de Dallas com 19 pontos.

Os Mavericks conquistaram hoje sua terceira vitória seguida e se consolidaram na segunda posição da Divisão Sudoeste e na oitava da Conferência Oeste.

Por sua vez, a equipe de Houston, que jogou pela terceira vez consecutiva sem o armador titular Chris Paul, ocupa a apenas a 14ª colocação no Oeste, com a campanha negativa de nove vitórias e 11 derrotas.

Em outro jogo de hoje, Damian Lillard marcou incríveis 41 pontos para o Portland Trail Blazers, que recebeu e venceu o Orlando Magic por 115 a 112.

Com a grande atuação de Lillard, os Trail Blazers interromperam uma sequência de três derrotas seguidas e se mantêm na terceira colocação na Divisão Noroeste e na sexta do Oeste.

Já o Magic - que foi liderado hoje por Nikola Vucevic, com 20 pontos - perdeu hoje pela segunda vez consecutiva, mas permanece na segunda posição na Divisão Sudeste e na oitava do Leste.

Também nesta quarta-feira, o Los Angeles Clippers recebeu o Phoenix Suns e venceu fácil por 115 a 99 com um duplo-duplo de 28 pontos e 10 rebotes do italiano Danilo Gallinari.