Topo

Esporte

Milan leva susto mas vence time de Luxemburgo de virada; 5 times avançam

29/11/2018 18h02

Redação Central, 29 nov (EFE).- O Milan flertou com o vexame no estádio San Siro nesta quinta-feira, mas venceu de virada o já eliminado Dudelange, de Luxemburgo, por 4 a 2 e ficou mais perto de avançar à fase 16 avos de final da Liga Europa pelo grupo F, em que o Betis se classificou.

Além disso, Sporting, de Portugal, Zenit São Petersburgo, da Rússia, Red Bull Salzburg, da Áustria, e o Fenerbahçe, da Turquia, também carimbaram passaporte à próxima etapa da competição, na faixa de jogos iniciados às 15h55 (horário de Brasília).

Diante da torcida, os 'Rossoneros' sairam na frente ao 21 do primeiro tempo, graças a gol do atacante italiano Patrick Cutrone. Pouco depois, aos 39, o meia alemão Dominik Stolz empatou; e aos 4 da etapa complementar, o atacante luxemburguês David Turpe colocou os visitantes na frente.

O Milan só conseguiu igualar outra vez 17 minutos após o segundo gol do Dudelange, graças ao meia angolano Stélvio Cruz, que jogou a bola contra a própria rede. A segunda virada veio aos 25, quando o meia turco Hakan Çalhanoglu deixou sua marca.

A partir daí, a porteira abriu, e os anfitriões ainda marcaram mais duas vezes, aos 33, com zagueiro luxemburguês Tom Schnell, em novo gol contra, e com o atacante italiano Fabio Borini, que fez o quinto aos 36, instantes depois de entrar em campo.

No outro jogo pelo grupo F, o Betis, que só precisava da vitória para avançar de fase, passou pelo Olympiacos por 1 a 0, na Espanha. O meia espanhol Sergio Canales marcou aos 39 do primeiro tempo e garantiu o resultado. Um pouco antes, o atacante espanhol Sergio León já havia tido chance clara de marcar, mas perdeu pênalti.

Com os dois resultados, a equipe de Sevilha garantiu lugar na etapa eliminatória, ao chegar aos 11 pontos. O Milan vem logo atrás, com dez, três a mais que a equipe grega. Na última rodada, daqui duas semanas, os dois postulantes a vaga se enfrentarão, com o time italiano podendo perder por até um gol de diferença para avançar.

No grupo E do torneio, que já tinha o Arsenal classificado desde a rodada passada, o Sporting também se garantiu na fase 16 avos de final por antecipação, ao golear sem dó o Qarabag, no Azerbaijão, por 6 a 1.

Os artilheiros da partida foram o meia português Bruno Fernandes e o atacante malinês Abdoulaye Diaby, ambos com dois gols anotados. O atacante holandês Bas Dost 5, de pênalti, e o meia-atacante português Nani também marcaram para os visitantes. O meia francês meia francês Abdellah Zoubir descontou.

O Arsenal, por sua vez, assegurou a primeira colocação da chave ao superar o Vorskla Poltava, em Kiev, por 3 a 0. O atacante inglês Emile Smith-Rowe, o meia galês Aaron Ramsey e o atacante inglês Joseph Willock anotaram os gols da partida.

No grupo C, o Zenit São Petersburgo carimbou passaporte à fase eliminatória, ao passar pelo Copenhague por 1 a 0, em casa. O meia eslovaco Robert Mak foi o herói da classificação dos anfitriões, que lidera a chave com 11 pontos e já tem a liderança garantida.

No outro jogo, o Bordeaux, do técnico Ricardo Gomes, se manteve vivo ao passar pelo Slavia Praga, na França, por 2 a 0. O atacante Nicolas de Préville e o zagueiro Jules Koundé, ambos franceses, balançaram a rede para a equipe anfitriã.

O grupo B também já tem um time na próxima etapa e como primeiro colocado de chave, o Red Bull Salzburg, que passou pelo RB Leipzig, na Áustria, por 1 a 0. O gol solitário do jogo foi marcado pelo atacante noruguês Fredrik Gulbrandsen.

O Celtic, por sua vez, assumiu a vice-liderança de maneira isolada, ao bater o agora eliminado Rosenborg, pelo placar mínimo. O gol solitário da partida disputada em Trondheim foi anotado pelo atacante inglês Scott Sinclair.

O último classificado do dia foi o Fenerbahçe, que empatou em casa com o Dínamo de Zagreb, já garantindo na próxima fase, em 0 a 0, pelo grupo D. O placar foi o mesmo do jogo entre Anderlecht e Spartak Trnava, o que deixou os visitantes sem chances na chave.

No grupo A, em que Bayer Leverkusen e Zurich já avançaram com duas rodadas de antecedência, o time alemão assumiu a liderança isolada ao empatar com o Ludogorets, em casa, em 1 a 1. A equipe suíça, por sua vez, perdeu para o AEK Larnaca por 2 a 1, também em seus domínios.

Mais Esporte