Topo

Esporte

Universidad Católica joga por empate contra ameaçado para ser campeã chilena

30/11/2018 17h42

Santiago (Chile), 30 nov (EFE).- A Universidad Católica chega à última rodada do Campeonato Chileno com a mão na taça, mas para confirmar a conquista sem depender de outros resultados precisará empatar fora de casa com o Deportes Temuco, que, por sua vez, luta contra o rebaixamento.

Líder durante quase toda a competição, a Católica está no topo da tabela em sequência desde julho, quando deixou a Universidad de Concepción para trás, mas ainda pode ser ultrapassado de volta pelo atual vice-campeão nacional.

A equipe da capital, Santiago, soma 58 pontos, três a mais que a de Concepción. Como não há critérios de desempate para decidir o título, será necessária a realização de uma partida extra caso 'La UC' perca e a concorrente derrote o Colo-Colo como visitante.

O treinador da Católica, o espanhol Beñat San José, manteve durante toda a semana um discurso prudente e contido em relação ao desafio do próximo domingo no estádio Germán Becker Baechler, em Temuco.

"É uma final absoluta e depende 100% de nós sermos campeões ou não. Eles são um bom adversário, têm muito em jogo. É um campo difícil, mas a nossa expectativa é muito grande para esta partida e esperamos estar à altura", declarou San José, que vem de um bicampeonato nacional à frente do Bolívar, da Bolívia.

O treinador repetirá os 11 titulares da vitória sobre o O'Higgins por 1 a 0 na penúltima rodada, algo que até hoje ele conseguiu realizar apenas uma vez durante toda a temporada.

O Temuco parecia condenado à queda após ter perdido seis jogos seguidos. No entanto, o time obteve duas vitórias nas duas últimas rodadas e ainda sonha com a permanência, mas precisará bater a Católica e torcer contra o Palestino, que tem um ponto a mais e receberá o Deportivo Huachipato.

Caso empate com 'La UC', a equipe comandada por Francisco Bozán ainda só se manterá na primeira divisão caso os 'Árabes' sejam goleados por nove ou mais gols de desvantagem. O San Luís, que abriu a última rodada perdendo para o Everton como mandante na última quarta, já caiu.

O Palestino vive situação inusitada, já que luta contra queda ao mesmo tempo em que está garantido na próxima Taça Libertadores por ter sido campeão da Copa do Chile. Católica, Concepción e Universidad do Chile, terceira colocada do campeonato nacional, também estarão na próxima edição do torneio continental.

O Deportes Antofagasta assegurou a quarta posição e com isso estará na Copa Sul-Americana 2019. Colo-Colo (43 pontos), Unión La Calera (43), Unión Española (41), O'Higgins (41) e Huachipato (39) lutam pelas três vagas restantes.

Desses cinco, três já disputaram todos os seus jogos. La Calera e Unión Española empataram em 1 a 1 na última quinta, mesmo dia em que o O'Higgins goleou o Audax Italiano por 4 a 0.

Esta é a primeira vez desde 2010 que o Campeonato Chileno dura o ano inteiro. Oito anos atrás, o título ficou justamente com a Católica. A partir de então, a liga passou a ter dois campeões por ano, no sistema de Apertura e Clausura, até o segundo semestre de 2017, quando o Colo-Colo faturou o chamado Torneio Transición.



Partidas restantes pelo Campeonato Chileno:.



Domingo.

Deportes Iquique - Deportes Antofagasta.

Palestino - Deportivo Huachipato.

Curicó Unido - Universidad do Chile.

Colo-Colo - Universidad de Concepción.

Deportes Temuco - Universidad Católica.

Mais Esporte